5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

Ter um empreendimento é algo que vai além dinheiro!

5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora
5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

Dizem que “ser mãe é ter o coração fora do corpo”, porque…

  • A mãe teve o prazer de sentir um bebê no seu ventre…
  • Encantou-se na maternidade…
  • Trocou fraldas…
  • Passou noites acordada…
  • Desfrutou a sensação de amamentar…
  • Ajudou a comer…
  • Ensinou a andar…
  • Chorou no primeiro dia da escolinha…

Talvez tenha deixado algumas pessoas de lado, ou até não tivesse mais tempo para dar atenção para as amiga. É uma experiência muito rica para guardar para si, não acha?

A verdade é que toda mãe de primeira viagem precisa de ajuda. Então por que não usar a experiência com a maternidade para ter ideias de negócios fora da caixa e trabalhar de casa?

5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

Sim, você leu certo!

A internet está cheia de dicas e ideias de negócios para mães trabalharem de casa, como revendedora de produtos, professora particular e até secretária remota

Mas e se você usasse a sua experiência como mãe para ajudar outras mulheres? Esta é a proposta deste artigo. A seguir temos 6 ideias para mães começarem um novo negócio de casa (sem precisar investir muito no início).

Sonhar ACORDADO: comece e é isso que acontecerá com seu cérebro

Por que ajudar outras mães? 5 motivos para você apostar na maternidade!

Antes de irmos às ideias de negócios, vamos discutir brevemente algumas razões para você apostar neste mercado. Em outras palavras;

Você precisa apostar no que você já é para poder começar algo que será!

1. Você tem conhecimento de causa

Imagine o seguinte cenário:

  • Maria e Joana são duas empresária concorrentes. Cada uma acabou de abrir uma academia na mesma cidade.
  • Joana é campeã estadual de fisiculturismo e Maria trabalhava como auxiliar administrativa num escritório de advocacia…
  • Qual academia você acha que terá mais chance de sucesso?
  • Sim, a da Joana.

5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

É claro que o sucesso de um negócio não pode ser definido exclusivamente pelo passado do seu gestor, mas é certo que faz bastante diferença.

Se a competição de Joana e Maria fosse uma corrida, Joana estaria largando na frente.

Isso é um fato Como você já passou pela experiência da maternidade, você tem muito conhecimento de detalhes e circunstâncias que podem ser diferenciais no seu negócio. E o mais importante…

Seguindo ESSE MODELO, você será capaz de gerar negócios bilionários!

2. Você conhece o público-alvo deste mercado

Você sabe muito bem com quem está falando porque você já esteve na pele dessas mulheres. Você provavelmente já buscou produtos e serviços específicos enquanto esteve grávida e depois nos primeiros meses do seu filho.

Você sabe o que as mães precisam, você sabe o que elas estão buscando, você sabe o que faz a diferença… você sabe como ajudar!

5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

3. Você nunca ficará sem clientes

A taxa de natalidade no Brasil é de 1,79 nascimentos por mulher. Isso significa que, em média, toda brasileira terá pelo menos um filho ao longo da vida.

Definitivamente, é um mercado com muita demanda pelos próximos anos. Encontrando o negócio certo e investindo da maneira correta, tudo sairá bem!

7 coisas que diferenciam uma pessoa de SUCESSO entre as MAL SUCEDIDAS

4. Você pode participar de momentos incríveis na vida de outras pessoas

Os primeiros anos de vida de uma criança são recheados de fatos e acontecimentos especiais que ficam guardados para sempre na memória dos pais. Especialmente na memória das mães.

Se você oferece produtos e/ou serviços de qualidade para ajudar nestes momentos, existe uma chance muito grande de você conquistar uma memória afetiva (e positiva) para o seu negócio. O que nos leva para o próximo ponto…

5 passos SIMPLES que te farão ser uma MÃE empreendedora

5. Você pode apostar na divulgação boca-a-boca para o seu negócio crescer

Resgate da memória:

Quantas gestantes você conheceu só porque estava grávida do seu filho? Quantos grupos de mulheres que estavam na mesma situação você fez (ou poderia ter feito) parte?

Mulheres grávidas se conhecem. Elas trocam informações. Elas estão dispostas a ajudar e, claro, pedir dicas e sugestões quando necessário.

O que você acha que pode acontecer com o seu negócio se você atender muito bem uma gestante? E duas, cinco, dez? O famoso boca-a-boca vai acontecer a seu favor. 

***

Esses motivos fazem sentido pra você? Nosso intuito principal é te fazer reconhecer que você pode ter um ponto de partida importante para investir naquilo que tanto sonha e conseguir gerar lucros!