7 imagens INCRÍVEIS que te apresentarão o escritor Jorge Amado
7 imagens INCRÍVEIS que te apresentarão o escritor Jorge Amado

7 imagens incríveis que te apresentarão o escritor Jorge Amado

Saiba mais sobre a vida e obras do escritor Jorge Amado através de imagens!

publicidade

Acredito que você já tenha lido alguma obra de Jorge Amado na escola, no período do vestibular ou livremente sem nenhuma obrigação. Estou certo? 

Aqui você conhecerá mais sobre a vida e trabalho desse grande escritor brasileiro. Além disso, iremos te mostrar seis imagens incríveis que apresentarão para você a essência  de quem foi Jorge Amado e a importância do seu trabalho para a formação da cultura no Brasil. 

Quem realmente foi Jorge Amado para a literatura brasileira?

Jorge Amado é um grande campeão mundial da literatura brasileiro, pois suas obras já foram traduzidas em mais de cinquenta países. 

publicidade

Por isso, para as pessoas que gostam de ler bons livros, de cinema ou de novelas certamente já ouviu falar ou já leu as obras do baiano Jorge Amado. 

Isso porque ele é o autor brasileiro mais adaptado para telenovelas, teatro, seriados e cinema aqui no Brasil. Certamente você já tenha assistido algumas das adaptações de suas obras e nem se deu conta. 

jorge-amado

Quer uma prova disso? Veja a seguir alguns nomes de suas obras mais conhecidas:

publicidade
  • Tieta do Agreste;
  • Gabriela Cravo e Canela;
  • Tereza Batista Cansada de Guerra;
  • Dona Flor e Seus Dois Maridos;
  • Tenda dos Milagres. 

Muitos admiradores e apreciadores de duas obras dizem que quem nasce no estado da Bahia, não nasce, estreia, pois o estado da Bahia vive presenteando nós brasileiros com seus grandes artistas, escritores e poetas. 

Quer uma prova do que estou falando sobre os nascidos na Bahia? Veja a seguir:

  • Ruy Barbosa;
  • Castro Alves;
  • João Gilberto;
  • Caetano Veloso;
  • Gilberto Gil.

Esses são alguns dos nomes que junto ao grande Jorge Amado deixam qualquer baiano morrendo de orgulho de terem representantes tão magníficos. 

O que escritor Jorge Amado fez de importante para os brasileiros?

O grande Jorge Leal Amado de Faria foi um dos mais ilustres e famosos escritores brasileiros da segunda geração do Modernismo. 

Com as suas obras traduzidas para a maioria dos idiomas, ele recebeu vários prêmios e títulos honoríficos

publicidade

jorge-amado

Além disso, só reforçando, Jorge Amado foi recordista em traduções. Para ser mais exato, seus livros foram traduzidos em cinquenta e cinco países, em quarenta e nove idiomas, existindo também exemplares em Braille, para os deficientes visuais e em fitas gravadas para os cegos. 

Só para você ter uma ideia da grandeza de suas obras, o brasileiro Paulo Coelho superou Jorge Amado apenas em números de vendas, mas em seu estilo, romance ficcional, ele lidera com grande vantagem sobre outros autores. 

Além disso, em 1994 Jorge Amado viu sua obra ser reconhecida com o Prêmio Camões, a mais alta distinção da literatura em língua portuguesa. 

Vida e obras de Jorge Amado representados em imagens incríveis

Com dito anteriormente, as obras de Jorge Amado, nascido na Bahia, estão entre as mais traduzidas para outros idiomas, além de adaptações para televisão, teatro e para o cinema. 

Veja a seguir sete imagens que apresentam de forma clara e objetiva a trajetória de vida e obras do renomado escritor brasileiro Jorge Amado.

O escritor Jorge Amado representado em 7 incríveis imagens

Jorge Leal Amado de Faria foi um dos maiores nomes da literatura brasileiro, em seus livros, estão os mais traduzidos para outros idiomas e adaptados para televisão e para o cinema. 

jorge-amado
Foto: Bernardo França

Ele nasceu no dia 10 de Agosto de 1912 no município de Itabuna na Bahia, cresceu el Ilhéus, lugar este que virou cenário de muitas das suas obras. 

Após ele concluir a escola, mudou-se para a capital fluminense, onde estudou Direito na Universidade Federal do Rio de Janeiro. 

jorge-amado
Foto: Bernardo França

Porém, ele nunca chegou a exercer a profissão, pois seu talento literário se mostrou bem cedo. Em 1931, aos 19 anos, Jorge Amado publicou seu primeiro romance chamado “O País do Carnaval”.

A perseguição política e o exílio de Jorge Amado

Além disso, sua veia política também era bem forte, militante comunista, foi bastante perseguido durante a Era Vargas, o que o levou a se exilar com sua família na Argentina e no Uruguai entre 1941 e 1942.

jorge-amado
Foto: Bernardo França

Três anos depois, Jorge Amado se candidatou a deputado federal pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB) e se elegeu como o mais votado do estado de São Paulo.

Em suas obras, ele fala muito sobre as raízes nacionais, abordando injustiças sociais, políticas, folclóricas e a sensualidade do povo brasileiro. 

jorge-amado
Foto: Bernardo França

Com isso, ele ganhou diversos prêmios ao redor do mundo, em 1961, foi eleito para a cadeira vinte e três da Academia Brasileira de Letras, cujo patrono é José de Alencar e o primeiro ocupante, o grande Machado de Assis

Além de todas essas conquistas, Jorge Amado é o autor brasileiro mais adaptado para a televisão, teatro e cinema. Veja a seguir algumas de suas adaptações:

jorge-amado
Foto: Bernardo França
  • Dona Flor e Seus Dois Maridos;
  • Tieta do Agreste;
  • Gabriela, Cravo e Canela;
  • Tereza Batista Cansada de Guerra.
jorge-amado
Foto: Bernardo França

Essas são algumas de suas obras que ganharam as telas e os palcos.

O escritor Jorge Amado morreu aos 88 anos de idade, no dia 6 de Agosto de 2001, vítima de uma parada cardiorrespiratória. 

Ele deixou um material riquíssimo da segunda geração do modernismo, da qual também fizeram parte Rachel de Queiroz e Graciliano Ramos, estudado até hoje em escolas e universidades de todo o país. 

jorge-amado
Foto: Bernardo França

Outras obras da literatura de Jorge Amado

Os romances:

  • O país do carnaval (1931);
  • Cacau (1933);
  • Suor (1934);
  • Jubiabá (1935);
  • Mar Morto (1936);
  • Capitães da areia (1937);
  • Terras do sem-fim (1942);
  • São Jorge dos Ilhéus (1944);
  • Seara vermelha (1946);
  • Os subterrâneos da liberdade (1952);
  • Gabriela, cravo e canela (1958);
  • Dona flor e seus dois maridos (1967);
  • Tenda dos milagres (1970);
  • Teresa Batista cansada de guerra (1973);
  • Tieta do agreste (1977);
  • Farda, fardão e camisola de dormir (1979).

As novelas:

  • Os velhos marinheiros (1961);
  • Os pastores da noite (1964).

Biografias:

  • ABC de Castro Alves (1941);
  • Vida de Luís Carlos Prestes, o cavaleiro da esperança (1945).

Teatro:

  • O amor de Castro Alves, reeditado como O amor do soldado (1947).

Gostou de saber um pouco mais sobre a vida e obra do grande escritor Jorge Amado? Esperamos que sim. Nos conte nos comentários o que acho, pois ficaremos felizes em saber de você. 

Fonte: Galileu