in , ,

Mãe muda dieta da família para curar filha de doença crônica

Dia desses, descobri que a Sicília – região da Itália – é reconhecida pela sua alta expectativa de vida. A razão? Uma dieta saudável.

Não é à toa que especialistas em nutrição e saúde vêm afirmando em suas pesquisas que a longevidade e o bem-estar estão mais ligados ao que colocamos no nosso organismo do que à genética, por exemplo.

Cientes disso, não é espantoso conhecer histórias como a da pequena Maya.

Desde que nasceu, ela sofre de um eczema crônico que afeta toda a superfície da sua pele, deixando-a irritadiça, com manchas vermelhas, coceira e descamação.

Desesperada, sua mãe vinha buscando todas as alternativas propostas pelos médicos.

A menina até respondia bem ao início dos tratamentos à base de pomada e remédios, mas depois a doença piorava, trazendo outros problemas junto.

Sem ter como recorrer à medicina tradicional, mas persistente no objetivo de curar a filha mais velha, Ullenka Kaczmarek (mãe de Maya) recorreu a um grupo vegano, na esperança de obter resultados mais satisfatórios por meio da sua alimentação.

Quando tudo começou a mudar…

Ullenka partiu para uma dieta que permitia apenas a ingestão de bananas. Era um teste curioso cujos resultados foram impressionantes.

Porém, passada essa experiência, Maya voltou a ter problemas de pele.

Não havia mais saída: era preciso mudar radicalmente sua dieta para descobrir se ainda era possível ter uma vida normal.

Foi então que a família toda descobriu que ter uma vida normal, na verdade, é adotar uma vida natural.

Por isso, Maya, seus pais e seus dois irmãos mais novos entraram na ‘dança’.


Recomendamos para você:

Letícia Flores

Written by Letícia Flores

Letícia, do latim "alegria". Redatora, professora e inventadora. Escreve e dá aulas de italiano por paixão; produz conteúdo por profissão. Que sorte a desta menina, não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artista com cérebro sinestésico mostra como ela literalmente vê a música

Homem passa 37 anos plantando árvores para criar paraíso ecológico