in , ,

Eu que odiava salada fiquei apaixonada por essa horta orgânica do interior

Quando Ceci e Reinaldo resolveram abandonar a agricultura tradicional para dar lugar à produção orgânica, o casal foi chamado de louco.

Instaurou-se um caos na família que, desde a década de 1980 se mantinha confortavelmente por meio de uma produção de alimentos baseada no uso de insumos agrícolas.

No entanto, desde 2004, quando o casal fez o curso de Produção de Alimentos Orgânicos, ministrado por Marcelo Sambiase, o sonho de colocar em prática a agricultura orgânica só fez crescer no coração dos dois.

O que a agricultura orgânica representa para o mundo atual

img_4408

Horta Mandalla. Foto: arquivo pessoal.

Abrir mão do lucro proporcionado pela produção em grande escala dos alimentos não-orgânicos é um desafio de desapego, amor ao próximo e a si mesmo.

Foi inspirada nesse amor que Ceci decidiu procurar outros rumos na vida da sua família.

Na última sexta-feira (09/09/2016), ela me recebeu de braços abertos no espaço onde hoje floresce a Horta Mandalla: o fruto doce da sua história de lutas e desafios amargos.

Antes de percorrermos a horta em si, batemos um longo papo sobre diversos assuntos, dentre eles a importância da produção orgânica no mundo atualmente.

14287688_1761861220734016_1536291791_n

Ceci me contando a história da Horta Mandalla. Foto feita pela Mayana, filha de oito anos da Ceci.

Em uma era de consumo e desperdício desenfreado de alimentos, a preocupação com a saúde da população que vem sendo cada vez mais acometida por doenças estomacais, intestinais, cardíacas e cânceres diversos – muitas vezes diretamente ligados a uma alimentação precária – tem se mostrado cada vez mais presente na Medicina, no Esporte e na Educação.

Letícia Flores

Written by Letícia Flores

Letícia, do latim "alegria". Redatora, professora e inventadora. Escreve e dá aulas de italiano por paixão; produz conteúdo por profissão. Que sorte a desta menina, não?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como são feitos os ursinhos de gelatina? (Spoiler: não é nada bonito!)

Jikka: a casa para idosos construída nas montanhas do Japão