Enjoos da gravidez? Essas 10 dicas são receitas infalíveis para seu alívio!
Enjoos da gravidez? Essas 10 dicas são receitas infalíveis para seu alívio!

Começou os enjoos da gravidez? Anote essas 10 dicas para reduzi-los

Saiba como diminuir os enjoos e as náuseas durante a gravidez!

publicidade

Nem tudo são rosas e flores durante a gravidez de uma mulher. Principalmente no início, até o terceiro mês, é bem comum que a mulher enjoe com certa frequência, pois as rápidas alterações hormonais da gravidez aumentam a sensibilidade a gostos e cheiros, assim, provocando as náuseas.

Com isso, a progesterona age, inclusive no trato intestinal. Afinal, o que isso significa? Simples, a mulher fica com uma digestão mais lenta e com a sensação de saciedade mais rápido e continua. Já as náuseas ocorrem principalmente no período da manhã, as famosas náuseas matinais.

Cerca de 70% a 80 % das mulheres grávidas sofrem com enjoo matinal no primeiro trimestre da gestação. Pensando nisso, separamos algumas dicas de como lidar com essas sensações desconfortáveis.

publicidade

Como reduzir os enjoos no início da gravidez? 

Os vômitos e as náuseas durante o primeiro trimestre de gravidez são considerados pelos médicos um sinal de que tudo está indo muito bem.

como-reduzir-enjoos-gravidez

Porém, esses desconfortos são consequências da atuação dos hormônios no corpo da mulher que incomodam muito. Veja a seguir o que você pode fazer para diminuir esse desconforto:

  • Não passar muitas horas de estômago vazio;
  • Comer pequenas porções de alimentos durante o dia;
  • Evitar frituras e preferir alimentos cozidos, grelhados ou assados;
  • Mastigar bem devagar e não beber líquidos durante as refeições.

Por isso, quando uma mulher grávida já acorda enjoada, uma ou duas bolachas de água e sal podem melhorar o sintoma. Além disso, no período de gestação, os líquidos gelados trazem mais alívio do que as bebidas quentes.

publicidade

10 dicas para reduzir os enjoos na gravidez

Veja a seguir o que você pode fazer para reduzir os enjoos e náuseas sem o uso de medicamentos. Confira as dicas e truques e tenha uma gestação mais saudável e confortável. 

1 – Beber bastante líquido

Para as gestantes, é recomendado beber muita água e suco de frutas em pequenas quantidades várias vezes durante o dia. 

2 – Comer pequenas quantidades de alimento

As gestantes podem comer a cada três horas em pequenas quantidades, assim, não deixando o estômago vazio. Comer um biscoito do tipo água e sol ao acordar é uma boa pedida. É importante evitar os alimentos com alto teor de gordura, condimentados e apimentados. 

como-reduzir-enjoos-gravidez

3 – Cuidado ao escovar os dentes

Procure creme dental que não provocam náuseas e enjoos, converse com o seu dentista para ter uma boa opção para o seu caso.

publicidade

4 – Deitar-se até os sintomas passarem

Quando você estiver com uma grande crise e enjoo ou náusea, deite-se e aguarde os sintomas passarem. Fique deitado o mais que puder, relaxe o corpo e a cabeça.

5 – Usar gengibre

Use gengibre para amenizar os enjoos em mulheres grávidas. Você pode usar o gengibre no chá ou bala.

6 – Fazer atividades físicas

Faça exercícios físicos para amenizar as náuseas, principalmente ao ar livre, pois eles irão ajudar no controle dos enjoos.

7 – Evitar lugares com cheiro forte

É bom evitar ao máximo locais com cheiro muito forte, como cozinhas, por exemplo, pois o odor de alguns alimentos pode causar náuseas e enjoos nas gestantes.

8 – Cuidado com a alimentação

É muito importante que a mulher grávida se alimente com substâncias com alto teor proteico e com níveis de carboidratos, como por exemplo, barrinhas de cereais, nozes, amendoins. 

Esses alimentos com essas características irão ajudar a gestante na absorção de ácido estomacal e o açúcar no sangue, que podem ser os causadores das náuseas e enjoos.

como-reduzir-enjoos-gravidez

9 – Cheirar limão

Uma ótima dica rápida para ajudar a passar o mal estar na gravidez é cheirar limão. O cheiro ácido ameniza a náusea. Outra ótima dica também é tomar chá gelado com limão ou água com rodelas de limão. 

10 – Pulseira anti-enjoo

Procure pulseiras anti-enjoo. Essas pulseiras podem ser encontradas em farmácias, elas possuem um botão plástico que exerce suave pressão no ponto de acupuntura do cérebro responsável por produzir enjoos.

Saiba como o gengibre pode ajudar a redução dos enjoos na gravidez

Para as mulheres que já têm o hábito de comer ou chupar bala de gengibre e continua fazendo isso na gravidez costuma ter menos enjoos. 

Porém, o grande problema é que não se sabe ao certo qual é a concentração de gengibre em cada produto e, às vezes, pode ser uma dose alta, assim não sendo indicada para as gestantes.

Os médicos mandam as mulheres terem cautela em relação a produtos com extrato de gengibre, pois uma dose a mais do normal pode causa problemas no futuro.

Quando é indicada a prescrição do gengibre para os enjoos?

Quando uma mulher grávida se queixa de náusea, o médico deve procurar resolver esse problema recomendando um produto seguro.

Por isso, quanto mais precocemente o médico impedir as náuseas da paciente, maior sucesso haverá no tratamento. 

Portanto, se houver queixa de enjoo por parte da gestante, o médico pode prescrever um medicamento, no caso, esse produto já bem como gosto de gengibre.

como-reduzir-enjoos-gravidez

Essa medicação é indicada para qualquer tipo de enjoo?

A resposta é sim. Mas se você começar a tratar com piridoxina um caso mais grave, provavelmente, não vai surtir tanto efeito assim.

Por isso, a piridoxina é a primeira alternativa para quando a mulher grávida começa a ter enjoos. 

Existe alguma contraindicação para esse tipo de medicação para enjoo?

Não. Antigamente, às vezes, evitava-se tratar os enjoos logo no começo, pois a maioria dos medicamentos tinham algumas restrições.

Porém, a piridoxina não tem tanto efeito colateral para a mãe ou para o bebê. Por isso, ela está sendo considerada a primeira escolha de tratamento para enjoos para os médicos. 

Há alguns casos mais graves em que podem não funcionar, por isso, o ideal é que o medicamento seja tomado assim que os enjoos e náuseas comecem.

Quais são os fatores de risco dos enjoos na gravidez?

Embora as causas para as náuseas e os enjoos não estarem completamente claras, alguns fatores são amplamente reconhecidos como de risco para o desenvolvimento das náuseas e vômitos.

como-reduzir-enjoos-gravidez

Veja a seguir alguns fatores de riscos dos enjoos e náuseas no período de gravidez:

  • As mulheres que antes da gestação já apresentam enjoos com mais facilidade, como durante movimentos ou após estímulos a cheiros e sabores fortes, elas apresentam maior risco de enjoos fortes na gravidez;
  • As mulheres ansiosas ou gestantes muito jovens também apresentam maior incidência e intensidade de náuseas e enjoos;
  • As mulheres grávidas com antecedentes de enxaqueca apresentam maior risco;
  • As mulheres que possuem a bactéria Helicobacter pylori apresentam maior risco de enjoos durante a gestação;
  • As grávidas de gêmeos apresentam maior incidência e maior intensidade nos enjoos.

Gostou das dicas? Então deixei nos comentários o que achou dos métodos para amenizar os enjoos e náuseas no período da gestação. Ficaremos felizes em saber a sua opinião. Aproveite as dicas!