in

A espiritualidade é a chave para a felicidade das crianças, segundo estudo

Um professor de psicologia da Universidade da Columbia Britânica, Okanagan, e seus colegas Ben Coleman e Judi Wallace conduziram um estudo que sugere que a espiritualidade é a chave para a felicidade das crianças.

Nos últimos anos, os cientistas têm sido capazes de medir o efeito de emoções positivas e sentimentos de alegria dentro de nossa biologia, por isso é fundamental descobrir o que melhor produz esses sentimentos dentro de nós.

Só para ficar claro, eles definem a espiritualidade como características internas, um sistema de crenças internas em que uma pessoa confia para ter força e conforto.

Compreender a felicidade tem sido tema de grandes pesquisas por vários anos.

Esta em particular sugere que os processos que influenciam a felicidade não são guiados por fatores externos, mas por características e qualidades internas.

320 crianças com idade entre 8 e 12 anos foram avaliadas para examinar a relação entre espiritualidade e felicidade, tanto de escolas públicas quanto privadas.

Você pode ler o resumo completo e estudar os métodos usados aqui.

O estudo concluiu que a espiritualidade das crianças, não suas práticas religiosas (por exemplo, frequentar a igreja, orar e meditar), estava fortemente ligada à sua felicidade.

Os resultados correspondem com estudos de felicidade adulta e sugerem estratégias para melhorar a felicidade em crianças.

Os autores descobriram que as crianças que disseram que eram mais espirituais eram mais felizes.

Em particular, os aspectos pessoais (significado e valor na própria vida) e comunitários (qualidade e profundidade das relações interpessoais) da espiritualidade foram fortes indicadores da felicidade das crianças.

Redação

Written by Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Por que pessoas bem-sucedidas são infelizes na meia-idade – e o que fazer

A fraude do café: 13 fatos pouco conhecidos sobre a bebida