Essa é a diferença entre a DEPRESSÃO e a PREGUIÇA

Entenda qual a diferença entre Preguiça e Depressão e nunca mais confunda doença com comportamento.

Essa é a diferença entre a DEPRESSÃO e a PREGUIÇA

Você sabe qual a diferença entre ser uma pessoa depressiva ou ser só apenas preguiça? Muitas pessoas confundem a sensação de preguiça a falta de vontade de fazer algo com a depressão.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), mais de 264 milhões de pessoas no mundo lutam contra a depressão. A depressão afeta pessoas de todas as faixas de idades e é uma das principais causas de deficiência em todo o mundo.

Diferença da preguiça, a depressão é um transtorno de humor que faz com que as pessoas tenham sentimentos de desespero e desesperança no futuro.

As pessoas que sofrem de depressão costumam ter sentimentos avassaladores de tristeza, .pois essa sensação pode ser dolorosa, levando a pensamentos de morte.

Preguiça não é sintoma de depressão

Uma pessoa com sintomas de depressão geralmente começam a sofrer lentamente. Embora as consequências possam surgir a qualquer momento, a condição de depressão começa na adolescência ou no início da idade adulta.

Dependendo da pessoa, o estado de depressão permanece oculto por muitos anos, assim, diminuindo .e fluindo com base em vários fatores de estresse e ansiedade da vida.

As pessoas que sofrem com essa doença mental querem apenas aproveitar a vida, porém, acham .que isso é uma coisa difícil ou impossível. Para essas pessoas, os dias costumam ser sombrios e a autoconfiança pode não existir nos pensamentos delas.

depressão-preguiça

Como resultado dessas consequências, a motivação parece um grande desafio e os sucessos tendem a ser escanteados por elas. Por isso, é muito grave querer usar da depressão para justificar preguiça e falta de vontade por desleixe.

Como saber se estou com depressão ou apenas preguiça?

Você pode rapidamente perceber a diferença entre uma com depressão e apenas preguiça, respondendo a um longo questionário sobre depressão ou em um teste rápido de depressão que leva apenas um ou dois minutos para ser concluído.

Porém, se alguns desses testes científicos disponibilizados na internet sugerir que você pode estar sofrendo de depressão, é provável que seja um sinal de que não é apenas preguiça. 

Por outro lado, o resultado desses testes pode ser um sinal de depressão real que você esteja sofrendo, um sinal que faça  você procurar um profissional de saúde mental para verificar mais detalhadamente esses sintomas.

Contudo, ser uma pessoa preguiçosa de vez em quando é normal todos nós somos assim ocasionalmente. Mas quando esse sentimento de preguiça parece durar semanas ou até mesmo meses, isso pode ser um sinal de depressão.

O que fazer quando a preguiça não é depressão?

Ser uma pessoa preguiçosa não é crime, porém, também não deve ser confundido com doença mental grave como a depressão, não mesmo? 

depressão-preguiça

Só porque um dia você se sentiu particularmente desmotivado para sair da cama, ir para a escola, trabalhar ou fazer o que é esperado de você, não significa que você esteja com depressão. Além disso, de acordo com a American Psychiatric Association): 

“A depressão não dura apenas um ou dois dias. Para que a depressão clínica seja diagnosticada, é necessário que você se sinta da mesma forma desmotivada por pelo menos 2 semanas.”

São várias as pessoas que sofrem dessa estado de saúde e passam semanas e às vezes até meses. Nesse período, elas sentem-se horríveis, desmotivadas, solitárias e em desespero antes de procurar tratamento profissional e médico.

Aliás, essa condição é uma diferença fundamental em comparação a uma simples preguiça. Normalmente, se uma pessoa está apenas com preguiça de fazer algo, é um humor passageiro que, em um ou dois dias, acaba passando. 

A depressão pode tornar uma pessoa preguiçosa?

A resposta é sim, uma pessoa com depressão pode se tornar preguiçosa. Isso porque a falta de motivação e o desinteresse geral pela vida são efeitos colaterais da depressão. 

Com isso, a combinação desses efeitos colaterais da depressão costuma fazer com que a pessoa se sinta ou pareça preguiçosa de realizar alguma atividade que antes gostava de realizar. 

Por outro lado, a diferença mais significativa entre uma pessoa com preguiça e com depressão é que elas com depressão não optam por se sentir como se sentem. Muitas vezes elas apenas querem ser produtivas e enérgicas, mas acham impossível serem assim. 

depressão-preguiça

Além disso, os momentos de depressão devem durar pelo menos duas semanas ou mais. Em muitos casos, essas pessoas duram várias semanas ou meses. 

Já o estado de preguiça pode ser mais esporádica e temperamental, pois as pessoas só podem agir com preguiça quando, na verdade, não querem fazer as suas obrigações no dia.

Como lidar com a preguiça para não confundir com depressão?

Primeiramente, é importante que você lembre que o estado de preguiça nem sempre é uma coisa ruim. O fato é que nós seres humanos não estamos programados para ser produtivos 24 horas, trabalhar de segunda a segunda.

Esse comportamento de ser produtivo o tempo todo só leva ao esgotamento e à exaustão. A verdade é que muitas pessoas precisam de uma pausa às vezes, então é natural sentir que prefere descansar, ou até mesmo bater aquela preguiça. 

Porém, se você frequentemente luta contra o estado grave de preguiça, é hora de alguma reflexão interna, pois o excesso dela por ser o seu fim. 

depressão-preguiça

Por isso, para você saber se a preguiça exagerada não está atrapalhando ou confundido com sintomas de depressão, se faça as seguintes perguntas:

  • Eu me sinto mais casando do que o normal?
  • Eu estou sobrecarregado com as tarefas em mãos?
  • Eu me sinto uma pessoa cínica em relação ao que preciso fazer?
  • Eu estou me sentindo acomodado com a vida de preguiça?
  • Eu estou muito preocupado em cometer erros?

São vários os fatores que podem causar preguiça em você. Uma exemplo disso é se você seguir uma dieta pobre, você pode se sentir mais cansado do que o normal. Você sabia disso?

Por isso, reserve algum tempo do seu dia para refletir sobre o que pode estar desencadeando esse estado exagerado de preguiça. Se você achar que a preguiça e a falta de vontade de fazer algo está atrapalhando sua produtividade, considere estas dicas para gerenciá-la e saber se não é realmente depressão.

Você gostou de saber mais sobre a diferença entre depressão e preguiça? Então não perca mais tempo e compartilhe com os seus amigos e familiares. Aproveite!

publicidade