Essas 8 coisas simples podem te quebrar financeiramente (e você nem imagina)
Essas 8 coisas simples podem te quebrar financeiramente (e você nem imagina)

Essas 8 coisas simples podem te quebrar financeiramente (e você nem imagina)

Saiba o que fazer para não quebrar financeiramente!

publicidade

Se você é daquelas pessoas que ganham razoavelmente bem, mas parece que nunca sobra dinheiro para poupar e investir, tome muito cuidado, pois isso pode ser que você esteja sendo sugado financeiramente e nem se dê conta. 

Pensando nisso, separamos para você oito coisas simples que podem te quebrar financeiramente

8 coisas que podem acabar com sua vida financeira

Gasta mais do que ganha? Você está endividado mas não sabe o real motivo? Veja a seguir o que você pode estar fazendo de erro, assim, você evitará gastar tanto e poupando mais. 

publicidade

1 – Pessoas que só estão com você pelo dinheiro

Tome muito cuidado com as pessoas interesseiras que só estão com você pelo dinheiro. Esses tipos de pessoas acabam se aproximando para ganhar vantagens sem pensar nos gastos

Achar que o amor e o respeito dessas pessoas estão atrelados ao que você é, desculpe-me, mas você precisa “cortar” elas do seu círculo de amigos. 

Nós sabemos que vivemos em um mundo onde a aparência infelizmente vale mais do que muitas coisas importantes. 

coisas-podem-quebrar-financeiramente

publicidade

Por isso, se para manter mulheres, amigos ou familiares ao seu lado, precisa se endividar e gastar muito dinheiro, pare um pouco e pense, pois tem algo errado aí. 

Você precisa entender que o amor não deve ser medido por dinheiro, muito pelo contrário, avalie quem ficaria ao seu lado se o seu dinheiro acabasse hoje, só assim você verá quem realmente quer ficar do seu lado, independente da sua condição financeira

2 – Assumir dívidas de outras pessoas por pena

Se por muito tempo as pessoas pedem para você dinheiro emprestado ou favores financeiros, é normal que você não consiga investir e nem guardar dinheiro para realizar seus próprios sonhos. 

Por isso, você precisa procurar estabelecer um limite para saber até quanto de dinheiro poderia disponibilizar para ajudar alguém sem prejudicar as suas contas também. 

Ajudar o próximo e compartilhar o que tem é sempre bom, pois ativa o fluxo de prosperidade e gratidão em nossas vidas tão corridas, mas claro, com limites. 

publicidade

coisas-podem-quebrar-financeiramente

Além disso, um bom hábito que você pode desenvolver, começando agora mesmo, é aprender a dizer NÃO quando for preciso. 

3 – Manter um padrão de vida maior do que deveria ter

Esse costume não é de hoje. Quem nunca conheceu ou conhece alguém que tem uma vida financeira de gastos e dívidas fora da realidade que vive? 

Todas as pessoas ao redor do mundo que estudam um pouco sobre educação financeira sabem que não se deve gastar mais o que ganha. 

Portanto, para que pessoas não quebrem financeiramente, elas não deve sustentar um padrão de vida maior do que aquele que as finanças permite.

Ficar o tempo todo tentando fazer o impossível para manter um carro ou uma casa de luxo, duas casas, roupas de marca e joias pode significar um desastre financeiro se a conta no banco não for tão cheia de dinheiro. 

4 – Ficar usando o limite do cartão de crédito como parte da renda

Para que você não quebre financeiramente um dia, você precisa entender que crédito concedido pelo banco não é parte da sua renda, ainda que muitas pessoas, mesmo entre quem estuda educação financeira, continue considerando esse tipo de pensamento. 

coisas-podem-quebrar-financeiramente

Por isso, comece a entender melhor os seus gastos e veja por que você sempre está usando um dinheiro que não é realmente seu para fechar suas contas todos os meses.

O ideal, para que você não quebre financeiramente, é usar o cartão de crédito apenas em emergências. 

5 – Sentir-se egoísta ao pensar em querer guardar dinheiro 

Isso é bem comum, pessoas que se sentem egoístas e culpadas quando começam a guardar dinheiro em alguma conta no banco ou em casa. 

Além disso, a impressão é que assim que as pessoas começam a guardar dinheiro, algo aparece e elas já têm que usar aquela quantia que foi separada. 

Para esses tipos de pessoas, a ideia é algo como: não tenho direito de ficar guardando dinheiro enquanto tem tanta gente precisando.

Isso pode até parecer louco, mas é assim que o cérebro do ser humano funciona. 

Por isso, para que você consiga lidar melhor com esta questão, pense que você não é uma pessoa egoísta, mas necessariamente, você precisa ter uma reserva financeira para imprevistos e emergências

coisas-podem-quebrar-financeiramente

Assim, caso você precise, não terá que recorrer a ninguém para ajudá-lo. 

6 – Falta de planos para o futuro

As pessoas que não sabem o que quer e nem sabem para onde vai, acabar aceitando qualquer coisa e indo para qualquer lugar. 

Por isso, se você não tem metas para o seu dinheiro, dificilmente conseguirá cuidar, como investir e poupar.  

Então para que você não perca todo o seu dinheiro, coloque no papel o que gostaria de fazer no curto, médio e longo prazo, faça planos. 

Esses planos devem dar uma direção as suas decisões financeiras, ou ao menos boa parte delas. 

7 – Ter pressa e ansiedade para comprar rápido uma coisa sem pesquisar antes

Você precisa ter cuidado na hora de comprar alguma coisa, seja quando estiver na loja ou na internet da sua casa. A pressa é a inimiga da perfeição e também do seu bolso. 

Quem sempre está comprando algum produto sem pesquisar e sem paciência de esperar, dificilmente conseguirá ter um bom equilíbrio financeiro. 

Por isso, saber esperar para ganhar uma recompensa maior é um dos segredos da inteligência emocional financeira

coisas-podem-quebrar-financeiramente

Se a sua ansiedade está acabando com suas contas, procure trabalhar esse seu lado emocional e busque ajuda profissional se necessário. Só evite comprar por impulso ou ansiedade. Seu bolso agradece! 

8 – Ter vergonha de dizer não

Não tenha vergonha de dizer não, seja para um amigo que quer dinheiro ou para um vendedor de loja que quer te “empurrar” um produto. 

Você conhece alguém que não sabe dizer não e acaba gastando além da conta? 

Algumas pessoas acham que entrar em uma loja de camisas e pedir para experimentar algumas, obrigatoriamente tem que levar alguma coisa.

Por isso, é importante que você entenda que, os vendedores precisam ser persuasivos para convencer você a comprar, esse é o trabalho deles.

Mas imagine, o que aconteceria se você comprasse tudo o que o vendedor lhe oferecesse todos os dias? Entendeu agora?