Esses sinais indicam o quanto você é forte e sensato ao lidar com atitudes grosseiras

Saiba como manter a calma!

Esses sinais indicam o quanto você é forte e sensato ao lidar com atitudes...
Esses sinais indicam o quanto você é forte e sensato ao lidar com atitudes...

Você já se perguntou se está lidando da maneira mais adequada com as pessoas grosseiras ao seu redor? Neste artigo iremos falar sobre sensatez e quais sinais indicam que você está no caminho certo ao tratar com essas pessoas.

Se você já se acha sensato, confere se está mesmo cumprindo com o propósito desse conceito. De acordo com a língua portuguesa, a sensatez é uma qualidade daqueles que possuem bom senso e prudência.

Com o tempo, esse conceito também se tornou um sinônimo de sabedoria e capacidade em fazer escolhas corretas, além de julgar sempre de forma justa. 

Sendo assim, uma pessoa sensata é sempre aquela que está apta a tomar decisões mais favoráveis, beneficiando ao máximo, todos os evolvidos e proporcionando o mínimo de prejuízos, principalmente quando as situações são complexas ou desconfortáveis. 

Sempre associada a questões éticas e a moral, a sensatez é um reflexo cultural que indica o meio no qual vive o indivíduo.

Mesmo que haja tantas diferenças entre os povos que habitam o planeta Terra, a sensatez se apresenta em todas as civilizações como um equilíbrio entre senso e racionalidade. 

É importante equilibrar a razão e a emoção 

Muitas pessoas podem acreditar que ser sensato é ignorar as emoções e agir baseando-se completamente na razão. É um fato que as pessoas sensatas não costumam deixar as emoções dominarem, mas isso não significa que as ignorem completamente. 

Sem emoções, ninguém seria capaz de diferenciar o que proporciona felicidade e o que a afasta dela. É dessa forma que você define seus objetivos.

Contudo, sem a razão, você não conseguiria planejar e nem tão pouco executar as melhores estratégias para chegar aos objetivos que você definiu. Essa é a prova de que todo ser humano precisa dessas duas forças. 

Quando uma pessoa é verdadeiramente sensata, ela vai saber equilibrar esses dois aspectos, como no yin yang. O seu cérebro vai agir sem deixar que o indivíduo seja extremamente frio, mas também não permitirá que ele perca a racionalidade. 

Trate os outros como você gostaria de ser tratado 

Antes de se dirigir a alguém, seja pessoalmente ou de forma virtual é importante refletir sobre o que será dito. Será que você gostaria que alguém falasse isso para você?

Será que a sua atitude perante alguém é o que você espera dessa pessoa? Se a resposta for não, o melhor a se fazer é calar e avaliar melhor seus atos. 

Trabalhar a empatia é fundamental para entender o que pode ser ofensivo para os outros. Se colocar no lugar do próximo pode parecer muito difícil em alguns momentos, mas isso precisa ser estimulado diariamente para que você consiga lidar melhor com as diferentes situações. 

O altruísmo também é um importante conceito que precisa ser discutido e adaptado para a sua realidade. Ele indica o oposto do egoísmo e carrega em si um forte significado.

Quando você passa a agir pensando não só em você, mas também no próximo, uma rede de benefícios vai atingir sua vida e a das pessoas que te cercam. 

Quando empatia e altruísmo estão unidos, constroem relações mais sinceras e transparentes. Ainda que queira fazer uma crítica, a pessoa sensata se preocupará em fazê-la de modo construtivo e jamais com o objetivo de magoar alguém. Isso demonstra a sua capacidade de se colocar no lugar do outro e de transformar a realidade ao seu redor. 

Sensatez não é uma fórmula! 

Ninguém se torna sensato ou maduro do dia para a noite! Toda essa inteligência emocional virá na medida em que o tempo passa e não tem uma idade certa para chegar. 

Tudo vai depender das experiências de cada indivíduo e da forma como ele lidou com as adversidades. Esse tipo de aprendizado é uma experiência fundamental e valiosa para iniciar o processo de amadurecimento e elaboração da sensatez. 

A grosseria das outras pessoas e a forma como você reage a ela 

Para conviver com pessoas grosseiras e mal educadas é preciso ter muita paciência! Por mais que lutemos diariamente para não deixar coisas negativas atingir nosso campo emocional, algumas vezes podemos sentir esgotamento mental devido a esse tipo de convivência. 

Na maior parte das vezes, nos sentimos ofendidos por não saber reagir as atitudes grosseiras da maneira correta. Sem equilíbrio é fácil perder a cabeça ou até mesmo ficar guardando sentimentos negativos. Em ambas situações, é você quem sofre prejuízos. 

Contudo, existe uma forma de lidar melhor com esse tipo de coisa. Neste artigo você irá descobrir três maneiras eficientes que indicam que você é uma pessoa mentalmente forte e capaz de lidar com atitudes grosseiras. 

Confira essas dicas e tente coloca-las em prática o quanto antes! 

1 – Pessoas mentalmente forte não abrem mão de sua posição de poder 

Quando entregamos o poder sobre nossa vida para que outra pessoa controle, favorecemos o acumulo de negatividade. Quando se faz isso, fica difícil retomar as rédeas e reconhecer o próprio potencial

Pessoas mentalmente fortes nunca permitem que outras provoquem influencia em suas vidas. Por mais que seja difícil, elas assumem a responsabilidade de encarar inveja, maldade ou falas negativas vinda das pessoas ao redor. Na maior parte das vezes pessoas fortes respiram fundo, contam até dez e retomam totalmente o controle. 

2 – Pessoas mentalmente fortes permanecem firmes aos seus valores 

Quem tem inteligência emocional consegue reconhecer suas habilidades e valores e vivem de acordo com isso, mesmo que tenham que lidar com pessoas desequilibradas. 

Quando se é forte, jamais se permite perder a postura e o respeito com o próximo, isso torna a paz interior do indivíduo algo positivo e capaz de sobrepor qualquer conflito!

Quem não se deixa rebaixar ao nível das provocações consegue encontrar conforto na certeza de que não agirá da forma como agiram com ele. 

3 – Pessoas com inteligência emocional sabem a hora de falar e calar 

Essas pessoas sabem exatamente o momento certo de falar e fazem isso com total assertividade para não atingir negativamente outras pessoas. O sensato assume a responsabilidade de seus atos e palavras, o que auxilia na construção de boas relações. 

Em alguns momentos, ele também prefere ignorar quem é rude ou grosseiro. Isso faz a outra pessoa perceber que aquela atitude não foi legal e não deve ser repetida. 

CUIDADO: você pode está sendo manipulado por um narcisista e não sabe!

Quando se tem inteligência emocional, é pouco provável que a pessoa queira “vencer” uma discussão. Para eles mais vale estar em paz do que ser o dono da razão, entende? 

Quem é verdadeiramente sensato, prefere gastar sua energia com pessoas positivas e capazes de transformar seu dia em uma experiência única! 

Nem tudo é tão simples! 

Algumas vezes vai parecer difícil pôr em prática essas três atitudes. No entanto, existe uma grande possibilidade de que elas se tornem mais fáceis na medida em que você se dedica a melhorar e a lidar com as pessoas mal educadas de forma tênue. Ser sensato é um bem que você fará a si e as pessoas que te cercam!

publicidade