Doenças espirituais podem ser evitadas se você estiver atento aos 4 fatores

Saiba como evitar isso e manter seu bem-estar!

Doenças espirituais podem ser evitadas se você estiver atento aos 4 fatores
Doenças espirituais podem ser evitadas se você estiver atento aos 4 fatores

Assim como devemos estar em dia com a nossa saúde física, fazendo exames periodicamente, sabemos que não devemos descuidar da nossa saúde espiritual.  

O espirito vai além de nossas crenças e nos vivifica. É daí onde surge a sensação metafísica de que estamos vivos. Apesar de ser algo imaterial, o espírito e a psico energia se manifestam por meio do nosso corpo físico. 

Doenças espirituais 

Essa questão surge em determinados momentos dentro de nós mesmo, mas não se assuste, pois, a solução para elas também parte de nosso interior. É por isso que neste artigo iremos levantar alguns fatos sobre as doenças espirituais que merecem sua atenção. 

Essas doenças surgem por meio de condutas erradas nas mais diversas áreas da vida. Em certos momentos, se manifestam através do corpo físico, trazendo desequilíbrio para o Prana (energia vital) e interferindo diretamente nosso bem-estar e qualidade de vida. 

Vale lembrar que conviver com esse tipo de doença é algo extremamente desgastante, o que atrapalha de forma direta o desenvolvimento de uma vida feliz em bem equilibrada, levando em consideração questões pessoais e profissionais. 

Doenças espirituais e seus níveis 

As doenças espirituais possuem diferentes níveis e suas causas podem ser divididas nos seguintes fatores: 

1 – Desarmonia 

Este é o sentimento que surge quando perdemos o sentido da vida, seja por um motivo obvio, como a perda de um ente querido ou por outras causas, impossíveis de serem definidas com palavras. 

Quando existe o estado de desarmonia, é muito mais fácil desencadear a sensação de tristeza e impotência. Sentimos como se fossemos incapazes de nos manter no controle de tudo o que acontece conosco. 

A resultante disso é a mudança na nossa visão sobre a vida. Passamos a observa-la sob um aspecto negativo, como se diariamente fossemos vítimas de planos que deram errado! Isso nos faz crer que somos incapazes de criar uma realidade onde podemos ser felizes e bem sucedidos

2 – Medo 

Essa é, sem dúvidas, uma das principais causas das doenças espirituais. Quem segue a vida sentindo medo constante acaba destruindo a própria autoconfiança e desequilibrando o senso de segurança. 

Observar a vida pelos olhos do medo torna tudo ao seu redor “hostil” e cada obstáculo parece maior do que realmente é, afinal, quem sente medo acha que não consegue se defender perante as dificuldades. 

Cultivar sentimentos como segurança, confiança e bem-estar é o alicerce para ter uma vida verdadeiramente saudável e repleta de prosperidade. Quando esses sentimentos estão offline, ficamos muito mais expostos as doenças espirituais. 

Ao entrar em desarmonia, isso reflete em nossos medos e desregula completamente a nossa matriz energética. Por isso, busque sempre compreender quais são as situações em que você se sente vulnerável. 

Além de ser um passo rumo ao autoconhecimento, você poderá prever as situações que te ameaçam e quem sabe, encara-las de forma honesta, sem deixar que tragam resultados negativos para você. 

Vale lembrar que sentir medo é normal, mas a partir do momento em que ele te limita e desencadeia outros problemas, você deve buscar soluções equilibradas que te ajudem a lidar com eles, independentemente de sua natureza. 

3 – Perder a alma 

A junção dos dois sentimentos citados anteriormente acarreta neste terceiro tópico. A perda de alma pode ser interpretada como um golpe na sua própria essência.  

Essa perda costuma ocorrer como um reflexo para um grande trauma e em muitos casos deixa as pessoas desesperançadas e sem vontade de viver. 

O acumulo de decepções durante a infância, situações em que o indivíduo é remetido à violência emocional, falta de sentimentos como amor e carinho vindo dos responsáveis, acidentes graves e problemas “impossíveis” de serem resolvidos podem ser a porta de entrada que leva a perda da alma

Quando isso ocorre é possível que se desenvolvam doenças espirituais. Se está é a sua realidade, deve saber o quanto é difícil e doloroso, contudo, entenda que você não precisa, necessariamente, lutar contra isso sozinho. 

4 – A busca por apoio 

Ninguém consegue ser feliz sozinho! Com certeza você já ouviu isso por ai! Por mais que seja importante reconhecer nossas qualidades e nos mantermos bem em nossa própria companhia, é em momentos de dificuldade que mais precisamos de apoio. 

Se você anda sentindo os sintomas acima, o mais recomendado é buscar apoio de pessoas preparadas. Com ajuda, aos poucos você irá retomar o controle de sua vida, favorecendo sua saúde física e mental

Se a nossa vida espiritual não vai bem, as consequências podem ser bastante drásticas. As somatizações são um exemplo claro disso. 

O que seriam as somatizações? 

Isso nada mais é do que as manifestações de doenças em nosso corpo físico. Sabe aquele sintoma que nenhum médico da sua cidade conseguiu diagnosticar mesmo após uma bateria de exames? 

Saiba que isso é uma somatização. Ou seja, o reflexo negativo das suas doenças espirituais que começaram a se manifestar através de doenças que atingem seu corpo físico e a sua saúde mental. 

Você deve estar se perguntando como é possível que isso aconteça. Já pensando nessa dúvida, listei os corpos extra físicos que compõem seu espírito, pois assim ficará mais fácil de entender sua influência em nosso corpo. 

Corpos extra físicos que compõem o espirito: 

  • Duplo Etérico (onde estão os chacras); 
  • Astral (conhecido popularmente como Aura); 
  • Mental Inferior (onde está a forma de pensar, os vícios e onde as manifestações do ego) 
  • Mental Superior (fonte para o autoconhecimento); 
  • Buddhi (onde estão os registros de vidas passadas); 
  • Atma (o encontro com o Divino e o despertar da consciência) 

Para quem nunca ouviu os termos pode parecer complicado, mas fica atento que vou explicar essa construção. 

Nosso corpo extra físico possui camadas que precisam ser periodicamente limpas, despertas e tonificadas. Cada uma dessas camadas demonstra uma reação, que pode se manifestar no nosso corpo físico e mental. 

Quando não estamos atentos ao nosso espírito e aos corpos extra físicos que o compõe, o resultado pode ser doenças, que mesmo tendo a ciência e a medicina aliadas, não podem ser tratadas. 

Encare isso como aprendizado e busque em seu interior as melhores formas de manter seu corpo, mente e espírito saudáveis. 

publicidade