Meninos ajudam colega de classe com deficiência a lanchar

Um grande exemplo de educação!

Meninos ajudam colega de classe com deficiência a lanchar
Meninos ajudam colega de classe com deficiência a lanchar

Se existe uma coisa que não podemos nunca deixar de fazer, ensinar as boas maneiras e o respeito para as nossas crianças quando ela ainda são bem novas.

Uma cena bastante emocionante chegou a ocorrer na Escola Primária de Reassentamento de Mouaque, que fica nas Filipinas. Para nossa sorte, uma professora filmou tudo e compartilhe o video.

Um menino, Hans, tem paralisia cerebral e sempre que preciso fazer alguma atividade, os alunos que formam a turma procura um jeito de ajudá-lo a não ficar de fora.

A professora de educação especial Christine Lopez, chegou a passar uma orientação muito gentil de que as crianças precisariam respeitar e oferecer suporte caso pequeno Hans chegasse a precisar de alguma coisa.

Só que dessa vez, sem fazer orientação alguma para os alunos, a professora acabou se deparando com um momento bastante emocionante entre o Hans e os seus colegas de classe que se chamam Yuan e Karl.

Os dois começaram auxiliar Um amigo durante um lanche, fizeram de tudo para deixá-lo confortável e me ajudaram durante o momento de alimentação.

Se sentindo tocada pelo que estava vendo, a professora Christine chegou a fazer um vídeo para mostrar a bondade EA compaixão sendo colocada em prática sem que ninguém os orientasse.

Naquele dia, eles fizeram isso, mesmo que eu não tenha dito a eles para fazerem ainda. É por isso que me senti tão feliz”, contou a professora sobre o momento que viu.

Quando chegou a ver o vídeo compartilhado pela professora, a mãe do garotinho expressou uma enorme gratidão por tudo que estavam fazendo por ser menino e disse mais:

“Obrigado professora Tin e colegas de classe. Agora eu sei por que Hans adora ir à escola todos os dias.”

Precisamos ensinar coisas boas para as nossas crianças desde cedo

Se olharmos para todo o contexto deste momento, esse vídeo não acaba sendo a prova de que crianças fizeram uma gentileza por um colega de classe que estava precisando de algo.

Mas no fundo, estamos falando da formação de dois adultos incríveis que reconhece a necessidade de fazer algo bom só por saber que aquilo é certo.

Como chegamos a falar mais acima, a professora afirmou que naquele momento não tinha pedido para que fizessem aquilo.

Mas os garotos mostraram o amor pelo colega e fizeram mesmo assim. Pois ele sabiam, ainda que pequenos, que essa era a escolha certa a ser feita.