in

Pessoas com depressão se expressam de forma diferente (saiba identificar)

O mesmo efeito é visto no uso de pronomes, mas não para palavras de emoção negativa.

Implicações práticas

 Linguagem depressão

Entender a linguagem da depressão pode nos ajudar a entender a maneira como as pessoas com sintomas de depressão pensam, mas também tem implicações práticas.

Os pesquisadores estão combinando análise automatizada de texto com aprendizado de máquinas (computadores que podem aprender com a experiência sem serem programados) para classificar uma variedade de condições de saúde mental de amostras de texto de linguagem natural, como posts em blogs.

Essa classificação já supera a que é feita por terapeutas treinados.

É importante ressaltar que a classificação de aprendizado de máquinas só melhorará à medida que mais dados forem fornecidos e algoritmos mais sofisticados forem desenvolvidos.

Isso vai além de olhar para os padrões gerais de absolutismo, negatividade e pronomes já discutidos.

O trabalho começou no uso de computadores, para identificar com precisão subcategorias cada vez mais específicas de problemas de saúde mental – como perfeccionismo, problemas de autoestima e ansiedade social.

Dito isto, é claro que é possível usar uma linguagem associada à depressão sem estar realmente deprimido. Em última análise, é como você se sente ao longo do tempo que determina se você está sofrendo.

Mas, como a Organização Mundial de Saúde estima que mais de 300 milhões de pessoas em todo o mundo estão vivendo com depressão, um aumento de mais de 18% desde 2005, ter mais ferramentas disponíveis para detectar a doença é certamente importante para melhorar a saúde e prevenir suicídios trágicos como esses de Plath e Cobain.


Recomendamos para você:

Redação

Written by Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Crowdfunding: tudo que você precisa saber sobre o financiamento coletivo

10 incríveis mulheres da filosofia que você talvez ainda não conheça