Mineira cria curiosa garrafa capaz de purificar qualquer água em potável

Impressionante!

Mineira cria curiosa garrafa capaz de purificar qualquer água em potável
Mineira cria curiosa garrafa capaz de purificar qualquer água em potável

Bruna Paiva, criou uma garrafa capaz de tornar em potável qualquer água através da radiação. O processo é executado por um filtro carregado com energia solar. 

O mais impressionante é que a invenção cabe na palma da mão e seu detentor pode levar aonde quiser. O nome do protótipo é “Aqualux”.

A aluna da Universidade Federal de Ouro Preto, Minas Gerais, apresentou o projeto durante o programa internacional “Red Bull Basement“, que estava em sua quarta edição, organizado por universidades que buscavam inspirar e capacitar seus alunos com ideias inovadoras.

Te interessa?

“A ideia do projeto surgiu no meu mestrado, onde estudo a esterilização de parasitas via radiação, e pensei em aplicar isso para ajudar as pessoas de forma simples e viável”, contou a estudante.

“Essa oportunidade de ser a campeã nacional tem sido incrível ao meu projeto, porque além de me ajudar no desenvolvimento, ainda ajuda a acelerar o processo e aumentar a visibilidade”, completou.

A jornada da jovem não foi fácil, nem tampouco ter o projeto selecionado como o melhor do evento. Ela passou por diversas etapas de avaliação, desde a comunidade local até a fase de jurados com mais nove projetos finalistas.

Agora em Dezembro, a jovem e mais 30 vencedores dos mais diversos países ao redor do mundo se encontrarão em Istambul, Turquia, para trocarem experiências e disputarem o prêmio mundial. 

Imagem: Reprodução Instagram / @team.aqualux

A mineirinha será a representante do nosso país. “Só no Brasil, o número de pessoas que não possui acesso à água potável é de 35 milhões de indivíduos, demonstrando um grande potencial de impacto. O produto agrega valor para a sociedade, e por isso precisamos estruturá-lo enquanto negócio”, comentou Tallis Gomes, fundador da Easy Taxi e da plataforma de educação Gestão 4.0, que foi um dos jurados.

O problema da água

O nosso país é o país com a maior reserva de água doce do mundo. Temos um total de 8.233 km³ de água disponível para o consumo anualmente. A maior parte está concentrada na Amazônia.

O aquífero guarani, reserva aquática brasileira, é um dos maiores do mundo. Mas mesmo com toda essa abundância, mais de 35 milhões de brasileiros não têm acesso a água potável. 

Se isso é um problema para o Brasil, imagina países que não tem a nossa abundância hídrica. O assunto vem sendo continuamente discutido em fóruns mundiais. O que preocupa é o rápido crescimento mundial e as limitações no abastecimento e disponibilidade de água. 

Mas o principal problema, que a invenção da Bruna se coloca como o protótipo de uma solução, é a reutilização. Se elevado a uma potência e proporção maior, o equipamento será um forte aliado na purificação hídrica de grandes metrópoles. 

Isso significa dizer que, países com fontes de abastecimento limitadas, poderão utilizar a mesma água diversas vezes, desde que ela seja submetida ao processo de purificação do Aqualux.

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar