Se surpreenda com a simbologia por trás DESTAS cartas de Tarot
Se surpreenda com a simbologia por trás DESTAS cartas de Tarot

Se surpreenda com a simbologia por trás DESTAS cartas do Tarot

Entenda a origem do Oráculo!

publicidade

O Tarot reúne 78 cartas, tecnicamente chamadas de arcanos. Na etimologia, arcano significa algo misterioso e secreto. Essas cartas são divididas em dois grupos e você vai descobrir nesse artigo quais são eles. 

PRA SER TAROT PRECISA TER 78 CARTAS! 

O que você deve se apegar é a quantidade de cartas! Para ser considerado Tarot, o baralho precisa ter 78 cartas, que são divididas em dois grupos. Um com 56 arcanos menores e outro com 22 arcanos maiores.

tarot

publicidade

Qualquer coisa diferente disso descaracteriza a ideia do Tarot. Essa formação é a mais tradicional desde a Idade Média. Entre os 22 arcanos maiores as cartas são numeradas de 1 a 21.

A única carta desse grupo que não tem número é “O Louco”. Os 56 arcanos menores são divididos em quatro naipes, cada um com dez cartas numeradas do 1 ao 10. 

A DIVISÃO DO TAROT 

O primeiro grupo possui 22 cartas chamadas de arcanos maiores. O segundo, fica com as 56 cartas restantes, denominadas arcanos menores. 

Arcanos Maiores: São representados por arquétipos que remetem a era medieval. Algumas das cartas mais conhecidas são: O Imperador, A roda da fortuna e o Papa. Essa parte do baralho está relacionada com as ideias e forças que possibilitam nossas vivencias. 

publicidade

tarot

Arcanos Menores: Esses são símbolos complementares dos arcanos maiores. Os quatro naipes já conhecidos, Paus, Copas, Ouros e Espadas, dividem as 56 cartas em diferentes grupos. 

Cada um deles possui 4 cartas fixas que representam a corte. São elas: Princesa (ou Pajem), Cavaleiro (ou Príncipe), Rei e Rainha. Além de mais 10 arcanos sequenciados e numerados. 

Dica: O deck só está pronto para ser estudado se estiver completo! Se você quer aprender mais sobre o oráculo, enxergue-o com totalidade. 

QUAL É O MELHOR BARALHO? 

Atualmente o mercado está cheio de opções para venda! Todos os anos, surgem novas versões ou reformulações das cartas. Muitas vezes, baralhos antigos passam por interferências artísticas e se transformam em um produto moderno e atraente. 

publicidade

Além das cartas já conhecidas, alguns oráculos apresentam novas representações e significados, como por exemplo o Tarot Oculto, ou o Yoga Tarot. Por isso, é importante ter um guia para fazer a leitura exata do baralho escolhido. 

A verdade é que não existe um baralho melhor ou pior do que o outro. Eles apenas são aplicados em diferentes áreas. 

QUEM PODE ADERIR AO TAROT? 

Ao longo da história, o oraculo foi muito divulgado, gerando interesse em várias pessoas. As previsões e as respostas que ele traz são suas principais características, fazendo do Tarot uma técnica muito procurada em todo o mundo. 

tarot

Com o tempo, devido à grande procura, um mercado de cursos para iniciantes foi criado abrangendo entusiastas e mentores. Nesses cursos introdutórios, geralmente são trabalhados apenas os 22 arcanos maiores. 

No entanto, independente da dificuldade em decorar as cartas e seus significados, o oráculo só vai dar certo com as 78 cartas! Qualquer coisa diferente disso não surtirá o efeito desejado. 

QUAIS SÃO OS BARALHOS MAIS COMUNS? 

A história conta que os primeiros baralhos surgiram em meados do século XIV. Eles eram produzidos artesanalmente até o século XVIII e suas impressões eram feitas em papeis simples e com poucas cores. 

Com a ascensão tecnológica durante o século XIX, os velhos oráculos foram reformulados e impressos com mais qualidade para fins comerciais. Artistas reúnem suas técnicas nas representações das cartas e criam uma infinidade de padrões. 

Algumas outras formas de interpretação também surgiram mas a estrutura clássica do baralho permanece em todas as versões. 

Abaixo listei os decks de Tarot mais difundidos no mundo. Aprenda um pouco mais sobre cada um deles e veja com qual se identifica.  

Tarot de Marselha 

tarot

Esse jogo é um clássico! O Tarot de Marselha é utilizado desde a antiguidade e ainda se faz muito presente nos dias de hoje. Seus desenhos são medievais e com as cores primárias devido as limitações da época. 

Não existem estudos que comprovam sua origem, mas provavelmente ele surgiu no norte da Itália durante o século XIV, sendo rapidamente difundido pelo sul da França. 

Depois de migrar, o baralho passou a ser reproduzido com finalidade lúdica e comercial. Apesar disso, o conceito da interpretação permaneceu e todos decks que vieram subsequentemente mantêm essa estrutura. 

Rider-Waite Tarot 

Rider-Waite Tarot 

Esse é o baralho mais vendido de toda a história! Ele foi elaborado pelo esotérico e ocultista Arthur Edward Waite em parceria com a ilustradora, Pamela Colman Smith. 

O baralho foi lançado em 1910 junto com o livro, “The Pictorial Key to the Tarot”. Os responsáveis pela obra fizeram algumas adaptações e acrescentaram as cartas: A Justiça e A força. Além disso, criaram uma nova ilustração para o arcano “Três de Copas”. 

Na época dessa reprodução, outros Tarots surgiram e acabaram agregando as mudanças feitas por Waite. 

Tarot de Thoth

Tarot de Thoth 

Aleister Crowley foi um esotérico inglês muito polêmico! Ele criou o seu próprio Tarot entre os anos de 1938 e 1943 com a ajuda da artista plástica Frieda Harris. 

Estudiosos do ocultismo aderiram a essas cartas e as celebram até hoje como o legado do mago. O Tarot de Thoth  também serviu para intitular uma obra literária que descrevia os arcanos de acordo com leituras astrológicas. Além disso, o texto contém canções e poemas que ajudam a interpretar as cartas. 

O conceito do baralho o atribui ao deus egípcio do conhecimento, Thoth. Algumas pessoas acreditam que esse deus havia reunido sua sabedoria em um livro que deu origem ao Tarot. No entanto, essa hipótese nunca foi comprovada. 

Tarot Mitológico

Tarot de Thoth 

A astróloga Liz Greene e a taróloga Juliette Sharman-Burke idealizaram o Tarot Mitológico e contaram com a ajuda da artista plástica Tricia Newell para criar as ilustrações. 

Esse deck foi lançado em 1986 e fez muito sucesso, sendo traduzido em diversos idiomas! As criadoras adaptaram as imagens medievais, trazendo personagens da mitologia grega. 

Apesar de algumas pessoas considerarem esse o baralho mais fácil de aprender, não tem como alguém mergulhar no oráculo se não reconhecer a profundidade desse portal! 

Atribuir algo “fácil” as cartas, só reforça uma narrativa que confunde pessoas menos experientes. 

COMO FUNCIONA O ORÁCULO? 

Qualquer Tarot funciona com base na aleatoriedade. As respostas que serão reveladas são fruto de cartas retiradas aleatoriamente. 

Encare o momento como um canal entre você e o universo! Abra seu coração e ouça os conselhos que o mundo tem para você!