Sinais de depressão em idosos que precisam de atenção URGENTE: identifique sem dificuldades

Tenha mais atenção a esses sintomas!

Sinais de depressão em idosos que precisam de atenção URGENTE
Sinais de depressão em idosos que precisam de atenção URGENTE
publicidade

O que muitas pessoas não sabem é que a depressão diagnosticada em idosos é bastante comum, porém isso não significa que seja uma coisa normal.

A verdade é que a depressão em idosos afeta milhões de pessoas ao redor do mundo com uma faixa etária de 65 anos ou mais. O triste é que apenas 10% dessas pessoas recebem um tratamento adequado.

É bem diferente da forma e a razão pela qual é apresentado alguns sintomas de depressão em pessoas mais velhas.

publicidade

Te interessa?

Na verdade, a depressão em pessoas com idade mais avançada é muito confundida com efeitos de doenças e medicamentos.

A depressão age de forma diferente em idosos?

Você precisa entender que os sintomas de depressão afeta os idosos de forma diferente em jovens e adultos.

Na verdade, os sintomas de depressão em pessoas mais idosas geralmente acompanha outros tipos de doenças e deficiências métricas e que podem durar mais tempo.

Sinais de depressão em idosos
Sinais de depressão em idosos que precisam de atenção URGENTE: identifique sem dificuldades. (Imagens: Pexels)
publicidade

Por ser ligado a uma grande chance de risco de doenças cardíacas e outras que podem levar à morte, a depressão em idosos deve ser diagnosticada e tratada com cuidado e profissionalismo.

Por outro lado, a depressão diminui a capacidade de reabilitação de uma pessoa com idade mais avançada, reduzindo assim a qualidade de vida de muitas pessoas.

Quais são os sinais de depressão em idosos?

Por ser uma situação de extrema urgência ao ser identificado sem dificuldades para o tratamento adequado, existem muitos sinais de depressão para idosos que precisam ficar alerta.

publicidade

Apesar de que as pessoas mais velhas não costumam demonstrar sintomas óbvios de depressão, alguns comportamentos podem indicar esse tipo de doença, como:

  • Mover-se mais devagar nos lugares;
  • Apresentar problemas para dormir;
  • Ser mal-humorado e irritável;
  • Se sentir confuso;
  • Transformação no peso ou apetite;
  • Não ter esperança;
  • Se sentir um inútil ou culpado;
  • Suportar dores no corpo calados;
  • Tem pensamentos suicidas;
  • Se sentir com fadiga e cansaço;
  • Dificuldades para prestar atenção;
  • Não gostam de atividades que costumavam fazer antes.

Na verdade, utilizando uma série de perguntas padrões, um médico especialidade especializado com cuidados primários ao verificar sintomas de depressão é mais fácil o diagnóstico e tratamento quando a pessoa fala o que está sentindo.

Sinais de depressão em idosos

São vários hoje profissionais médicos que encorajam as pessoas a verificarem rotineiramente se determinados sintomas não é depressão.

publicidade

Isso pode acabar acontecendo uma visita ao médico para a verificação de outros tipos de doenças crônicas e uma visita para melhorar o bem-estar. 

Quais os riscos da depressão em idosos?

Se preocupem tanto em chamar a atenção dos idosos quanto na identificação e tratamento dos sintomas de depressão, mas se esquecem dos riscos que podem afetar a qualidade de vida dessas pessoas.

Já parou para pensar quais são os fatores de risco da depressão em pessoas com idade mais avançada? Certas situações podem aumentar ainda mais o risco de a pressão idosos, como:

  • Eventos de vida estressantes;
  • Crises de ansiedade;
  • Falta de apoio de amigos e familiares;
  • Ser mulher;
  • Ser solteiro(a) ou divorciado(a);
  • Ser viúvo(a).
publicidade

Além das condições sociais existem várias condições físicas pelos quais podem causar grandes riscos de depressão em pessoas mais idosas que precisam de um pouco mais de atenção, como, por exemplo:

  • Dores crônicas ou demência;
  • Diabete ou câncer;
  • Fibrilação atrial;
  • Acidente vascular cerebral;
  • Hipertensão.
Sinais de depressão em idosos

Todos esses fatores de riscos, tanto os sociais quanto os físicos, são frequentemente vistos em pessoas adultos mais velhas. Por isso, os sinais de depressão em pessoas mais idosas devem ter mais atenção dos amigos e familiares.

É fundamental que cada um consulte o seu médico para ter um diagnóstico mais preciso e eficaz para tratar quanto antes esses sinais da depressão para que a pessoa não sofra com os sintomas no futuro.

publicidade

Como ajudar idosos sofrendo de depressão com psicoterapia?

Grande parte das pessoas que sofrem com sintomas de depressão acham que o apoio da família e dos amigos, assim como grupos de autoajuda, é fundamental e útil para lidar melhor com essa doença.

São vários os idosos que utilizam a psicoterapia como tratamento para aliviar os estresses e as crises de ansiedade de forma natural e benéfica para a saúde.

A depressão vem causando muitas consequências e doenças em pessoas mais idosas por diversos motivos, como:

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

  • Problemas de saúde;
  • Mudanças em casa;
  • Perda de um amigo ou familiar.
publicidade

O que dificulta no tratamento dos sintomas de depressão em pessoas mais idosas é que muitas delas preferem não tomar medicamentos mesmo com sintomas leves.

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Sinais de depressão em idosos

A psicoterapia é bastante útil para pessoas que não podem prosseguir com tratamento com remédios devido a efeitos colaterais e que podem alterar no organismo ou até mesmo causar doenças.

Na verdade, a psicoterapia para o tratamento de depressão em idosos pode ser abordada em uma ampla gama de funções naturais e sociais para lidar com esses sentimentos que afetam a saúde.

Além disso, muitos medicamentos recomendados pela psicoterapia junto com o remédio e antidepressivos ajuda muitos idosos a enfrentar as dificuldades que os sinais e sintomas de depressão.

Você gostou de saber mais sobre os sinais de depressão em idosos para saber identificar sem dificuldades e dar mais atenção e urgência a essa doença? Então não perca mais tempo compartilhe com seus amigos e familiares essas excelentes dicas de como identificar depressão em idosos.

Veja mais ›
Fechar