Pais, esses SINAIS podem indicar depressão nos seus filhos!

Aprenda a identificar se o seu filho está sofrendo de depressão e ansiedade!

Pais, esses SINAIS podem indicar depressão nos seus filhos!
Pais, esses SINAIS podem indicar depressão nos seus filhos!

A verdade é que existem muitas crianças que sofrem de medo e preocupação. Você sabia que o seu filho, apesar da idade, pode sentir-se triste e sem esperança por vezes? 

Assim como a ansiedade e depressão, os fortes medos podem aparecer em momentos diferentes durante o desenvolvimento da criança.

Uma criança pequena costuma ficar muito angustiada por ficar longe dos pais ou de casa, mesmo que esteja segura e seja cuidada por familiares. 

Além disso, embora as preocupações e os medos sejam próprios das crianças, as formas persistentes.ou extremas de medo e tristeza podem ser devidas à ansiedade ou depressão

Como os seus filhos podem realmente ter depressão?

A depressão em crianças é bem diferente do normal e das emoções do dia a dia.pelas quais elas passam à medida que se desenvolvem na infância até chegar a adolescência. 

O fato é que só porque o seu filho pareça triste não significa necessariamente que ele tenha uma depressão significativa. 

filhos-com-depressão

Porém, se o sentimento de tristeza do seu filho se tornar persistente ou interferir nas atividades sociais do cotidiano, interesses particulares, trabalhos da escola ou vida com os entes queridos, isso pode significar que o seu filho tem uma doença depressiva.

Fazer isso para as crianças HOJE acabará com a ansiedade causada pela quarentena! 

Quais os sinais de que meu filho tem depressão?

É importante você entender que os seus filhos costumam ter dificuldades em explicar como estão se sentindo, especialmente se estiverem sofrendo de depressão ou ansiedade

No entanto, existem vários sinais e sintomas importantes a serem observados pelos pais para que isso não passe despercebido.

Portanto, se esses sinais ocorrerem juntos durante várias semanas e não forem característicos de seu filho, procure um profissional de saúde para tratar quanto antes. As crianças com depressão e ansiedade podem apresentar:

  • Pouca energia;
  • Falta de motivação;
  • Perder o interesse em fazer atividades que gostam;
  • Dificuldade para ouvir e se concentrar na escola;
  • Fazem comentários negativos sobre si;
  • Não quer ficar junto dos amigos;
  • Quer ficar sempre sozinho;
  • Procura o que tem de errado em vez de ver aspectos positivos;
  • Dificuldade de ser agradado;
  • Se irrita com facilidade;
  • Chora facilmente;
  • Dificuldade de se acalmar;
  • Fica sem apetite ou come muito;
  • Dificuldade para dormir ou para acordar.

Como os sinais e sintomas da depressão e ansiedade costumam ser caracterizados por um comportamento negativo, como irritabilidade ou choradeira, é bem mais fácil os seus filhos se sentirem irritados e culpar ou punir outras crianças por seus comportamentos. 

filhos-com-depressão

O que pode causar depressão em seus filhos?

A depressão em crianças é uma condição complexa que tem várias causas possíveis. São muito os fatores diferentes que podem contribuir para o início da depressão em seus filhos

O fato é que os sintomas da depressão afetam muitas crianças em todo o mundo. Além disso, o Centro de Controle e Prevenção de Doenças relata que 3,2% das crianças entre 3 e 17 anos foram diagnosticadas com sintomas de depressão.

Existem alguns dos fatores de risco que podem contribuir para a depressão em seus filhos, veja a seguir algumas delas e fique ciente de como preveni-las:

1 – A química do cérebro

A verdade é que os desequilíbrios em certos neurotransmissores, como serotonina, dopamina e norepinefrina, podem desempenhar um papel na causa da depressão nas crianças.

Desligue o CELULAR perto das crianças ou crie filhos tristes

2 – O ambiente em que a criança convive

Não é novidade de que uma vida doméstica caótica ou instável pode ser um grande fator de risco para depressão em crianças –  assim como experimentar isolamento social ou intimidação dos colegas na escola.

3 – O histórico familiar da criança

Você sabia que ter uma família próxima e parentes com depressão aumenta o risco das crianças sofrerem de depressão e ansiedade? 

filhos-com-depressão

Um estudo realizado nessa área descobriu que as crianças com maior risco de depressão e ansiedade eram aquelas com duas gerações anteriores de membros da família com depressão e problemas emocionais.

4 – A saúde física e mental

As condições de saúde de uma criança é fundamental para a prevenção de depressão – principalmente doenças crônicas. Um exemplo disso é a diabetes, pois ela pode aumentar os riscos de depressão na infância.

5 – O estresse

É fundamental os pais ficarem sempre atentos as mudanças de comportamentos dentro de casa, pois mudanças como o divórcio pode ter um papel importante no desenvolvimento da depressão nos filhos.

12 problemas SÉRIOS causados pelo uso excessivo do CELULAR

O que fazer para ajudar os filhos com depressão?

Se você já notou que o seu filho de quem você ama não parece ele mesmo, o primeiro passo que você deve fazer é conversar sobre o que está acontecendo.

É importante você deixar o seu filho saber que não há problema em pedir ajuda ou falar sobre o que está sentindo; e que você está pronto para ouvir o que ele quiser dizer. 

Confira a seguir o que você pode fazer para ajudar o seu filho com indícios de ansiedade e depressão, comece a tratar essa doença antes que desenvolva mais.

1 – Ofereça para o seu filho tempo e espaço para falar

É importante você pai ou mãe reservar um tempo para que seu filho converse com você. Isso funciona melhor quando você não tem pressa, distrações e nem interrupções

filhos-com-depressão

A verdade é que os seus filhos geralmente acham mais fácil falar quando estão fazendo algo com você, então aproveite essas oportunidades.

2 – Saiba ouvir abertamente e sem julgamento o seu filho

Fazendo isso, você está criando um espaço onde seu filho possa falar com você sobre qualquer coisa, então julgar ou interromper muito cedo para oferecer conselhos é uma maneira segura de acabar com isso. 

7 mentiras estúpidas e destrutivas que a DEPRESSÃO te conta

3 – Peça para que o seu filho explique mais de uma vez o problema

Quando o seu filho compartilhar um problema ou experiência negativa que passou durante do dia, pergunte gentilmente a ele se pode haver outra explicação para as coisas que estão acontecendo da forma como aconteceram. 

4 – Preste atenção na rotina do seu filho

Quando o seu filho está sofrendo de depressão ou crise de ansiedade, seu pensamento como pai ou mãe pode ser obscurecido por muitos aspectos negativos. 

Po risso, quanto mais os seus filhos se preocupam com os problemas, maiores eles se tornam doentes. As atividades e rotinas diárias podem ajudar a distrair os seus filhos de padrões de pensamento negativo do dia a dia.

Você gostou de saber mais sobre os sinais que indicam depressão nos filhos? Então não perca mais tempo e compartilhe com os seus amigos e familiares essas informações.