Tripulantes passam quase 50 dias removendo lixo do Pacífico e quantia recolhida assusta
Tripulantes passam quase 50 dias removendo lixo do Pacífico e quantia recolhida assusta

Tripulantes passam quase 50 dias removendo lixo do Pacífico e quantia recolhida assusta

Uma ação que deve ser começada por todos, a partir do uso dos plásticos em casa.

publicidade

Um mundo não é apenas um local em que vivemos e podemos fazer o que bem entender de nossas vidas. Pelo contrário, o planeta terra é o nosso bem mais valioso e todos os seres humanos deveriam pensar e repensar nisso, quando o assunto for cuidado com o meio ambiente.

Nos últimos anos, as empresas que produzem materiais plásticos não param. E para completar ainda o nosso pensamento sobre as questões ambientais, a maioria das pessoas não estão preparadas ou se interessam em fazer reciclagem e buscar o descarte certo do seu lixo.

E com essa quarentena, as pessoas estão cada vez mais pedindo comidas para comer em casa e fazendo compras pela internet. Isso faz com que o número de plásticos necessários para fornecer este envio, seja ainda maior. E consequentemente, o descarte desse material que tanto preocupa os ambientalistas, também aumenta.

publicidade

É estimado que quase 8 milhões de pedaços de materiais plásticos, chegam de forma devastadora nas águas marinhas. Isso totaliza então, cerca de 5,25 trilhões de materiais que já estão descartados no ambiente aquático.

tripulação-coleta-toneladas-de-lixo
Foto: Ocean Voyages Institute

A tripulação havaiana que saiu no Ocean Voyages Institute para buscar o maior número de lixo descartado nas águas do Pacífico, voltaram após 48 dias. E para o sucesso desta expedição tão valiosa para os animais marinhos e todo o meio ambiente, foram recolhidas cerca de 103 toneladas de lixo apenas nas águas do Pacific Gyre, maior área contaminada do mundo.

O uso desenfreado de plástico é responsável por causar a morte de mais de 100 milhões de animais marinhos. Reconhecendo a importância que existe e manter cada vez mais as águas puras, essa tripulação estimula o mundo inteiro a viver de forma mais pensada.

Nessa viagem de quase 50 dias, foi atingindo o recorde de recolhimento dos materiais que precisam ser descartados de forma certa. A maioria deles, eram redes de pescas fantasmas e outros lixos que eram feitos puramente de plástico.

publicidade
lixos-coletados-no-oceano-pacifico
Foto: Ocean Voyages Institute

Até então, essa coleta chegou a ser a maior limpeza para retirada de lixos no mar, no trecho do grande Pacífico. O melhor de tudo é que não param! Mary Crowley, fundadora e diretora executiva do Ocean Voyages Institute chegou a falar sobre a última coleta:

“Estou muito orgulhosa da nossa equipe trabalhadora. Excedemos nosso objetivo de capturar 100 toneladas de plásticos tóxicos para o consumidor e redes abandonadas como ‘fantasmas’ e, nestes tempos difíceis, continuamos a ajudar a restaurar a saúde do oceano, o que influencia nossa própria saúde e a saúde do planeta”.

Essa notícia deve servir não só para as pessoas que estão próximas as águas marinhas e precisam cuidar do seu lixo. Mas a todos os seres humanos, que precisam apreciar o hábito de usar menos materiais plásticos e se preocupar com o descarte correto do seu lixo, para evitar que locais como o Pacific Gyre permaneça recebendo plásticos.

tripulação-recolhe-toneladas-de-lixo
Foto: Ocean Voyages Institute