Um trauma não tratado pode causa ISTO em sua criança

Entenda como pode ser perigo não tratar logo de início uma criança traumatizada!

Um trauma não tratado pode causa ISTO em sua criança
Um trauma não tratado pode causa ISTO em sua criança

Quando coisas ruins acontecem com uma pessoa, ela recorre ao recurso interno para enfrentar a situação. A resiliência é isso em sua essência: a capacidade de uma pessoa construir e explorar um reservatório interno de força.

Se você experimentar muitos eventos adversos na vida, o reservatório se esgota, não é mesmo? No entanto, o ser humano pode então vir a considerar mais lutas como fúteis e melhorias como impossíveis. Isso é desespero.

Levando em conta essas informações, uma infância ruim mina a capacidade de uma criança de lidar com situações de uma maneira diferente.

Isso acaba tornando difícil ou impossível para uma pessoa acumular energia de afirmação da vida desde o início. Além disso, nós podemos então nos tornar incapazes de florescer, mesmo sem grandes eventos negativos. Às vezes, é sugerido que uma infância ruim nos prejudica.

Adultos com a “criança interior” traumatizada

Muitas pessoas às vezes não podem dizer olhando para as outras que dor elas carregam dentro de si. Em parte, isso ocorre porque elas podem optar por ocultar seu sofrimento, mas também porque geralmente é possível ocultar a dor da mente. 

Em alguns casos, o quebrantamento fica parcialmente oculto até mesmo pessoas que o carregam. Por isso, as pessoas que têm uma criança dentro de si ferida podem sentir que algo não é .como deveria ser, sem saber muito bem o motivo. 

traumas-crianças

Talvez, essas pessoas traumatizadas desde a infância pensem que não podem deitar na grama e desfrutar do sol como os outros podem, porque .são constantemente e aparentemente inexplicavelmente atacados por pensamentos negativos.

Com isso, elas percebem que, por razões obscuras para elas, elas não podem levar nada à conclusão.

Na verdade, ambas as tendências podem ter sua origem na infância. Deitar na grama e simplesmente gostar de estar vivo pode ser difícil para uma pessoa com trauma precoce .por causa da ausência do banco interno do sentimento de afirmação da vida.

Por outro lado, a incapacidade de terminar as coisas pode ser resultado de um hábito profundamente enraizado de temer .as críticas de um pai excessivamente exigente, mesmo aquele que não vive mais.

Quais os efeitos do trauma em uma criança?

A verdade é que pode se extremamente estressante para uma criança estar envolvida em eventos traumatizantes, como:

  • Um acidente grave;
  • Crime violento;
  • Ataque terrorista;
  • Pandemia global;
  • Desastre natural.

Um desastre, uma crise ou outro evento preocupante pode causar estresse traumático em uma criança, minar a sensação de segurança .de seu filho e deixá-lo se sentindo desamparado e vulnerável.

Assim, especialmente se o evento traumatizante resultou de um ato de violência, como um tiro em massa ou ataque terrorista. 

traumas-crianças

Mesmo as crianças não diretamente afetadas por algum tipo de desastre podem ficar traumatizados quando repetidamente expostos a imagens horríveis do evento nas notícias ou nas mídias sociais.

Independentemente de uma criança ter vivido o evento perturbador em si, testemunhado ou passado por estresse traumático, ela provavelmente será afetada por uma série de emoções intensas, confusas e assustadoras. 

Além disso, embora os sintomas desagradáveis causado pelo trauma possam desaparecer com o tempo, há muito que você pode fazer como adulto ou responsável para apoiar e tranquilizar uma criança traumatizada. 

Usando essas dicas de enfrentamento de traumas em crianças, você pode ajudar uma criança a controlar os sintomas do estresse traumático, reconstruir seu senso de segurança e superar o evento traumático.

Como ajudar uma criança a superar um trauma?

A reação de uma criança a um desastre ou evento traumático pode ser muito influenciada por sua própria resposta. Você sabia disso?

As crianças de todas as idades, até mesmo adolescentes em busca de independência, procuram os adultos em busca de conforto e segurança em tempos de crise. 

Por isso, se você vivenciou o evento traumático ao lado de uma criança ou do seu filho, é crucial você tomar medidas para lidar com seu próprio estresse traumático e também os da criança.

traumas-crianças

Confira a seguir como você pode ajudar uma criança a enfrentar os traumas para que ela não se torne um adulto com medo de tudo, traumatizado por algo que deveria ter sido resolvido quando criança.

1 – Recuperar a confiança e segurança da criança

O trauma pode alterar a forma como uma criança vê o mundo, você sabia? Pois, isso faz com que de repente pareça um lugar muito mais perigoso e assustador para uma criança traumatizada. 

Além disso, uma criança pode achar mais difícil confiar no ambiente e nas outras pessoas, assim, você adulto pode ajudar reconstruindo o senso de segurança de uma criança traumatizada.

2 – Minimizar a exposição da criança de mídias sociais

As crianças que passaram por um evento traumático muitas vezes podem achar que a cobertura implacável da mídia e das redes sociais é ainda mais traumatizante. 

A exposição excessiva as imagens de uma crise ou evento perturbador pode até criar estresse traumático em crianças que não foram diretamente afetados pelo evento.

3 – Ter mais contato com a criança

Você não pode desejar que uma criança se recupere por completo de uma experiência traumática, mas pode desempenhar um papel importante no processo de cura.

traumas-crianças

Como fazer isso? Simplesmente passando um tempo junto e conversando cara a cara com a criança. Faça o seu melhor para criar um ambiente saudável onde a criança se sentará segura para comunicar o que estão sentindo e para fazer perguntas.

4 – Incentivar a criança a realizar atividades físicas

A realização de atividades físicas pode queimar adrenalina, liberar endorfinas que melhoram o humor de uma criança em tratamento pós-traumático, assim, ajudando a criança a dormir melhor à noite.

5 – Alimentar a criança com uma dieta saudável

Você sabia que o alimento que uma criança come pode ter um impacto profundo em seu humor e na capacidade de lidar com o estresse traumático? 

Os alimentos processados ​​e de conveniência, carboidratos refinados, bebidas e lanches açucarados podem criar alterações de humor e piorar os sintomas de estresse traumático em uma criança.

Você gostou de saber mais sobre como um trauma na infância mal resolvido pode causar problemas? Gostou de saber mais sobre como lidar com uma criança traumatizada na infância? Então não perca mais tempo e compartilhe com os seus amigos e familiares.