Vídeo de garoto com AME reencontrando seu pai após 2 meses emociona web com reação
Vídeo de garoto com AME reencontrando seu pai após 2 meses emociona web com reação

Vídeo de garoto com AME reencontrando seu pai após 2 meses emociona web com reação

Temos tanto a aprender com esse amor genuíno!

publicidade

Estamos falando de muita emoção! Nesses últimos meses, cenas como as desse vídeo acabaram sendo um verdadeiro gás para um período tão conturbado que o mundo inteiro chegou a passar junto. A genuína emoção desse garoto, nos faz perceber quão importante é comemorar as pequenas vitórias.

Quando falamos em grandes lutas que acabaram dessa forma então, nosso coração se alegra tanto, que às vezes sentimos como se fizéssemos parte dessa família, que está vencendo mais uma batalha tão difícil.

Samuel Estevan é o nome do filho que tem apenas 6 anos de idade e que aparece nas cenas do vídeo. O garotinho que tem AME (Doença Rara/Amiotrofia muscular espinhal) e por causa disso não consegue se mexer e nem falar. 

publicidade

Mas como uma criança cheia de sentimentos, o Samuca sabe bem o que é sentir saudade e entender como o amor pode preencher nossos corações, ao lado de pessoas incríveis.

No dia dos pais, esse vídeo foi uma das coisas mais emocionou a web. Por ter atestado positivo para o Covid-19, vírus causador do coronavírus, precisou passar os últimos meses afastado de toda a família. 

Durante esses dois meses que ficou no hospital, Estevam Júnior, pai do garotinho Samuel, chegou a ficar em um estado bem crítico em relação a sua saúde e chegou a passar dois meses e 3 dias internado em um estado bem grave na UTI.

Quando chegou em casa e reencontrou o seu garotinho, o que não faltou foram emoções e muitas lágrimas para definir aquele momento. Mesmo com tantos probleminhas, o pequeno Samuel conseguiu expressar tudo o que estava sentindo.

publicidade

A emoção foi tão grande, que o seu pai precisou para poder acalma-lo, em meio aos carinho que fazia no filho, falava que tudo estava bem, que ele agora estava ali, ao seu lado mais uma vez.

Em entrevista, Estevam Júnior chegou a contar que: “Quando ele me viu, ficou chorando e também meu coração não aguentou. Comecei a chorar junto. Eu expliquei pra ele que fiquei doente, estava no hospital e precisei ficar longe dele. Aí ele parou de chorar, ficou olhando pra mim e se acalmou”.

A história de luta dessa família

Por precisar de muito suporte por causa da Amiotrofia muscular espinhal ­+ Olivopontocerebelar que o pequeno Samuel tem, essa família vive em uma luta constante para suprir todas as necessidades que o garoto precisa. 

Não sendo nem um pouco baixo, os custos para oferecer seu tratamento em casa são bem altos. Mesmo tendo conseguido comprar uma cadeira ideal para o Samuel, todos reconhecemos que qualquer ajuda é super bem vinda.

publicidade

E foi pensando em ajudar esse garoto cheio de carisma e sua família, que internautas chegaram a criar uma vaquinha online, para lhe oferecer suporte. Clique aqui e participe!

Fonte: SNB