2 Coríntios 4 – Você precisa fazer sua LUZ BRILHAR

Deixe sua luz interior brilhar em Cristo Jesus!

2 Coríntios 4 - Você precisa fazer sua LUZ BRILHAR

Indo contra todos os questionamentos e críticas da época, o Apóstolo Paulo sempre continuou defendendo a sua legitimidade como um apóstolo de Jesus Cristo.

Podemos aprender em 2 Coríntios 4 que o Apóstolo Paulo, mesmo na dificuldade e perseguição, sempre deixou sua luz brilhar. Ele sempre mostrou que o Espírito Santo habitava nele.

Mesmo com todo o contexto de grande sofrimento que os apóstolos e seus auxiliadores experimentaram pelo evangelho de Cristo, podemos aprender muito sobre o que é ser seguidor de Jesus.

Enquanto o Apóstolo Paulo escreve em sua carta, é revelado a sua grande confiança no poder de Deus de suprir as necessidades, como também dar esperança para uma vida futura.

2 Coríntios 4

O que podemos aprender em 2 Coríntios 4?

Podemos perceber na leitura de 2 Coríntios 4 que o Apóstolo Paulo entende que o nosso Senhor é quem lhe deu o ministério de levar a toda a verdade sobre o Filho de Deus ao mundo.

É por esse motivo que o Apostolo Paulo insiste na carta aos coríntios que não agiu e não agiria com as pessoas de forma enganosa, vergonhosa e dissimulada.

Em vez de manipular a Palavra de Deus, o Apóstolo Paulo e seus seguidores a declaram e convidam outras pessoas a avaliar as suas vidas diante do Criador.

Isso para que as pessoas vejam se Paulo e seus discípulos estão agindo conforme a integridade ensinada por Jesus Cristo.

Por isso, tendo este ministério, segundo a misericórdia que nos foi feita, não desfalecemos; Antes, rejeitamos as coisas que por vergonha se ocultam, não andando com astúcia nem falsificando a palavra de Deus; e assim nos recomendamos à consciência de todo o homem, na presença de Deus, pela manifestação da verdade. (2 Coríntios 4:1,2)

2 Coríntios 4

Permita que a luz de Cristo brilhe em sua vida

Com a leitura dessa passagem da Bíblia, você precisa entender que o Apóstolo Paulo reconhece que as boas novas sobre o plano de salvação.

Essa salvação por meio da fé em Cristo está oculta ou velada da vista de muitas pessoas que estão a passos da morte e da separação do nosso Senhor Todo-Poderoso.

A verdade é que o Diabo, o “deus” deste mundo, tem a capacidade de cegar a mente das pessoas incrédulas para impedir que elas vejam a luz da glória de Cristo.

Sabe que luz é esse que você deve deixar brilhar em sua vida? É a luz que o Apóstolo Paulo e seus seguidores carregam em seus pensamentos e corações.

Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto. Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. Porque não nos pregamos a nós mesmos, mas a Cristo Jesus, o Senhor; e nós mesmos somos vossos servos por amor de Jesus. (2 Coríntios 4:3-5)

Conhecendo a glória de Deus em 2 Coríntios 4

Para resumir todo o propósito do Apóstolo Paulo, ele incorporou todos os principais pensamentos culturais de sua época em uma única declaração.

Paulo conectou esses pensamentos ao relacionamento que o nosso Senhor Todo-Poderoso deseja que nós busquemos em Jesus Cristo.

Porque Deus, que disse que das trevas resplandecesse a luz, é quem resplandeceu em nossos corações, para iluminação do conhecimento da glória de Deus, na face de Jesus Cristo. (2 Coríntios 4:6)

2 Coríntios 4

Nós precisamos ter conhecimento sobre a glória de Jesus como imagem do Pai – isso é um verdadeira tesouro. Conhece a glória de Deus é melhor que ter todo conhecimento do universo.

O Apóstolo Paulo deixou registrado em seus escritos que nosso Deus armazenou este tesouro inestimável em potes de barro vulneráveis e frágeis.

Paulo escreveu que eles foram abatidos, perplexos, perseguidos e afligidos, porém, não foram destruídos, abandonados, levados ao desespero ou esmagados.

Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus, e não de nós. Em tudo somos atribulados, mas não angustiados; perplexos, mas não desanimados. Perseguidos, mas não desamparados; abatidos, mas não destruídos; Trazendo sempre por toda a parte a mortificação do Senhor Jesus no nosso corpo, para que a vida de Jesus se manifeste também nos nossos corpos; E assim nós, que vivemos, estamos sempre entregues à morte por amor de Jesus, para que a vida de Jesus se manifeste também na nossa carne mortal. De maneira que em nós opera a morte, mas em vós a vida. (2 Coríntios 4:7-12)

Os ensinamentos de Paulo em 2 Coríntios 4

É fácil perceber na leitura da Palavra de Deus que o Apóstolo Paulo entende que o caminho em que está acabará por levar ele a morte.

Mesmo sabendo disso, ele não parou de fazer a obra de Cristo, Paulo não desanimou diante da morte. Isso porque ele sabe que o deus que ressuscitou Jesus Cristo dos mortos o ressuscitará.

No final de tudo, nós saberemos que Paulo se encontrará com Jesus Cristo presenciando a glória de Deus para todo o sempre.

2 Coríntios 4

Mas enquanto esse momento não chegou para Paulo em 2 Coríntios 4, ele continuou a contribuir para espalhar a glória do nosso Senhor para o mundo.

E temos portanto o mesmo espírito de fé, como está escrito: Cri, por isso falei; nós cremos também, por isso também falamos. Sabendo que o que ressuscitou o Senhor Jesus nos ressuscitará também por Jesus, e nos apresentará convosco. Porque tudo isto é por amor de vós, para que a graça, multiplicada por meio de muitos, faça abundar a ação de graças para glória de Deus. (2 Coríntios 4:13-15)

Não importa muito o quão difícil seja o seu problema na vida, você precisa entender que a glória de Deus na eternidade supera a dura vida que vivemos aqui.

Conseguirmos ver isso no Apóstolo Paulo na Palavra de Deus. Por isso, comece a confiar mais em Deus que você verá o amor dEle brilhar em sua vida.

Por isso não desfalecemos; mas, ainda que o nosso homem exterior se corrompa, o interior, contudo, se renova de dia em dia. Porque a nossa leve e momentânea tribulação produz para nós um peso eterno de glória mui excelente; Não atentando nós nas coisas que se veem, mas nas que se não veem; porque as que se veem são temporais, e as que se não veem são eternas. (2 Coríntios 4:16-18)

Você gostou de saber mais sobre 2 Coríntios 4? Então não perca mais tempo e compartilhe com os seus amigos e familiares. Aproveite essa oportunidade para aprender mais sobre a Palavra de Deus.

Veja mais ›
Fechar