Efeitos que só a MÚSICA CLÁSSICA causa em seu cérebro (e que te farão mudar de playlists HOJE)

Conheça quais são os benefícios em ouvir música clássica todos os dias!

Efeitos que só a MÚSICA CLÁSSICA causa em seu cérebro (e que te farão mudar de playlists HOJE)

Você pode ter ouvido de algumas pessoas dizerem que ouvir música clássica o torna mais inteligente, não é mesmo?

Para você, isso é verdade ou apenas um mito? Diz-se que a música alimenta a nossa alma, portanto, aqui, veremos como a música clássica é o antioxidante da música.

Por que o ser humano gosta de ouvir música?

Vamos começar com um pouco de profundidade antes de mergulhar nas especificidades da música clássica. Por centenas de anos, os seres humanos sentiram a necessidade de criar música, de se mover com um ritmo ou uma batida.

Diz-se que a música pode ter derivado de uma protolinguagem e de uma forma primitiva de comunicação entre humanos.

música-clássica-benefícios

Em 2013, alguns pesquisadores descobriram que as razões pelas quais as pessoas ouvem música podem ser classificadas em três categorias, são elas:

  • Análise de humor;
  • Autoconsciência;
  • Razões sociais.

A música pode afetar nosso humor, pode nos fazer sentir uma abundância de emoções e de nos sentirmos felizes, tristes, enérgicos, apaixonados e inspirados.

Quais os efeitos da música no nosso cérebro?

Existem muitas teorias sobre o real motivo da música nos afeta de tal forma. Uma teoria é que a música tensa e a música com um ritmo otimista mudam nossa frequência cardíaca, o que pode criar desconforto se for inesperado ou pode nos fazer sentir energizados e querer seguir o ritmo.

Em 2015, uma pesquisa da BBC disse que:

Os sons em staccato crescentes tendem a nos deixar nervosos, enquanto os tons descendentes longos parecem ter um efeito calmante.

Este estudo mostra que tendemos a reagir de forma positiva para músicas mais calmas e suaves, pois nossa frequência cardíaca não aumenta, o que significa que tendemos a relaxar mais.

Já um estudo publicado na Nature em 2014 sugeriu que a música tem a capacidade de estimular partes do nosso cérebro que de outra forma não seriam usadas.

música-clássica-benefícios

Isso também está ligado aos canais emocionais e talvez seja uma das principais razões pelas quais todos nós reagimos de maneira diferente ao que ouvimos.

Por isso, às vezes nós associamos certas memórias ou sentimentos à música e isso às vezes pode ser estimulante para nossa produtividade.

Por que a música clássica é diferente dos outros estilos musicais?

Em 1993, o físico e professor Dr. Gordon Shaw conduziu um experimento controlado com música clássica. Na Universidade da Califórnia, Shaw tocou Mozart para um grupo de alunos e notou um aumento no nível de QI.

Embora o experimento não seja considerado evidência significativa por muitos cientistas, ele mostra que a música clássica tem efeitos positivos no cérebro do ser humano.

Os pesquisadores acreditam que ouvir música clássica não apenas ajuda a relaxar e nos acalmar, o que nos faz ter um melhor desempenho nas atividades, mas também pode mudar nosso pensamento.

Ouvir músicas clássicas, como por exemplo, Mozart,  ajuda a aquecer partes do cérebro que nos permitem desenvolver o pensamento abstrato.

Um estudo separado do Dr. Kevin Labar mostrou que a música clássica tem o poder de melhorar o foco e, portanto, o desempenho.

música-clássica-benefícios

Isso ocorre porque, quando ouvimos música clássica calmante, a dopamina é liberada à medida que ficamos calmos e relaxados.

Isso evita a liberação de hormônios relacionados ao estresse, o que significa que o humor melhora e o que estamos trabalhando torna-se mais agradável.

Por isso, ouvir música clássica relaxa e acalma a mente para que ela possa trabalhar em sua capacidade total e abrir canais de criatividade que de outra forma estariam adormecidos.

Qual a relação da Dopamina com a Música?

A dopamina é liberada quando nós ficamos calmos e relaxados. Em 2011, o primeiro experimento examinando as relações entre dopamina e ouvir música foi realizado na Universidade McGill.

O estudo teve oito pessoas voluntárias que permitiram que seus cérebros fossem escaneados enquanto ouviam músicas de que gostavam. Os resultados mostraram que os níveis de dopamina no cérebro aumentaram cerca de 9% quando a pessoa estava ouvindo música de que gostava.

Apenas música instrumental foi usada para o experimento, a fim de garantir que não houvesse associações verbais com reações à peça musical.

Embora você possa achar que não gosta de música clássica, pode descobrir que sua aura calmante tem um efeito positivo em seu cérebro. Você já experimentou estudar ou ler um livro ouvindo música clássica? Você não vai se arrepender!

música-clássica-benefícios

Os benefícios de bebês ouvirem música clássica

Os especialistas pesquisaram e chegaram à conclusão de que ouvir música clássica ajuda no desenvolvimento do cérebro. Sugere-se que ouvir música clássica ajuda os bebês a desenvolver melhores habilidades de memória.

Quando a música suave e calmante é tocada regularmente, permite que o bebê desenvolva sua capacidade de lembrar o ritmo. Isso significa que eles acharão mais fácil no futuro aprender coisas como idiomas.

Também foi provado que uma música calma e relaxante relaxa o bebê e um bebê feliz e calmo se sai melhor no crescimento e no desenvolvimento, o que de modo geral significa que ele será mais saudável.

O que significa o efeito Mozart?

O pesquisador francês, Dr. Alfred A. Tomatis, usou o termo pela primeira vez para descrever o que ele considerou ser um efeito de mudança mental causado pelo cérebro humano ao ouvir Mozart. Também é sugerido que isso aumentará seu QI.

Embora haja muito pouca evidência científica para apoiar isso, é frequentemente debatido por cientistas e o termo é muito popular entre alguns pesquisadores.

Portanto, se começarmos a ouvir música clássica, teremos a capacidade de moldar nossa performance e obter o máximo de nosso trabalho árduo.

Melhor ainda, se introduzirmos música clássica para bebês ou crianças, estaremos ajudando a moldar e desenvolver seus cérebros para que possam ser mais produtivos e seres humanos mais saudáveis.

música-clássica-benefícios

Da próxima vez que você estiver lutando com algo, por que não colocar um pouco de Mozart para ajudar a abrir os canais criativos de seu cérebro para ajudar a melhorar seu trabalho.

Experimente realizar atividades prazerosos ouvindo música clássica, é um momento incrível para você relaxar o coração e alma das coisas passageiras desse mundo.

Separe um momento do seu dia para ouvir e apreciar uma boa música clássica. Leia um livro, cultive rosas em seu jardim, pratique pintura a óleo, contemple a natureza, porém, fazendo tudo isso ouvindo música clássica. Você não vai se arrepender! Aproveite!

Fonte: TheFactSite

publicidade