Em 80 anos, primeira oficial-general assume posto mais alto e faz história na FAB

Nada poderia tornar essa notícia tão especial como a data de hoje. Mais do que nunca, servirá ainda como uma verdadeira história de inspiração para ser seguida além dessa data tão especial. A brigadeiro médica Carla Lyrio Martins, de 55 anos, vem trazendo um grande marco para a história do poder feminino, que a casa […]

Em 80 anos, primeira oficial-general assume posto mais alto e faz história na FAB!
Em 80 anos, primeira oficial-general assume posto mais alto e faz história na FAB!

Nada poderia tornar essa notícia tão especial como a data de hoje. Mais do que nunca, servirá ainda como uma verdadeira história de inspiração para ser seguida além dessa data tão especial.

A brigadeiro médica Carla Lyrio Martins, de 55 anos, vem trazendo um grande marco para a história do poder feminino, que a casa ano vem tomando o espaço que merece sem suas desigualdades.

Carla chegou a alcançar a patente mais alta que há na carreira de um militar e em 80 anos, chegou a ser a primeira mulher a conquistar o posto de oficial-general da Força Aérea Brasileira (FAB).

E não pense que a trajetória para chegar onde chegou foi fácil. Foram mais de 30 anos de muita dedicação e preparação para conquistar destaque entre os seus demais parceiros.

Além desse grande marco que traz para nós, Carla também chegou a participar da primeira turna em que a Força Aérea Brasileira aceitou as mulheres, levantando mais um marco de igualdade.

Em entrevista acerca da grande carreira que constrói, a oficial-general que comanda o Hospital Central da Aeronáutica (HCA), no Rio de Janeiro não mede emoções.

Em 80 anos, primeira oficial-general assume posto mais alto e faz história na FAB!

E chega a dizer: “São conquistas recentes que precisam ser valorizadas. Relembrar o passado nos motiva a caminhar para frente, mas ainda tem muito a ser conquistado”.

Atualmente, Carla chega a coordenar cerca 1,1 mil funcionários da unidade de saúde e garante que, em independente do momento, não é possível ter conquistas trabalhando sozinho.

A mineira garante e enfatiza que, o trabalho em equipe é algo que não pode ser dispensável e para manter a linha disso tudo mais a sensibilidade para com os demais, ela garante que tem uma personalidade forte em relação às escolhas que faz.

Um valor inestimável para toda a história

Seja homem ou mulher, conquistar a carreira que tanto sonha pode não ser uma coisa muito fácil. É preciso batalhar muito para se destacar entre muitas outras pessoas que também se capacitam diariamente.

Há algumas semanas chegamos a compartilhar uma pesquisa que afirma: mulheres são ótimas para tomar cargos difíceis em momentos de crise e agir com sabedoria e liderança.

Em 80 anos, primeira oficial-general assume posto mais alto e faz história na FAB!

Agindo de forma prática, Carla garante: “As mulheres sabem muito bem trabalhar em equipe. A habilidade feminina de saber delegar tarefas, o aspecto de conseguir ter uma visão ampla e de se desdobrar em inúmeras atividades, ajudaram.”

Quando volta a falar sobre um cargo como seu e o fato de ser mulher, Carla apenas diz que as mulheres estão conseguindo cada vez mais avançar junto com as mudanças que ocorre em relação as desigualdades.

Notando que isso vem sendo cada vez mais comum, assim como essa grande mulher, nós torcemos por cada mulher que luta pela realização de seus sonhos e damos força para as grandes conquista!

Fonte: G1

publicidade