in , , ,

Vítima de bullying por marca de nascença – hoje ela inspira outras pessoas

Ela foi cruelmente apelidada de “macaco” por ter grandes marcas em várias partes do corpo.

A paulistana Beatriz Pugliese, 22 anos, nasceu com nevo melanocítico congênito (também chamado de nevo pigmentado) — um distúrbio geralmente não cancerígeno das células da pele produtoras de pigmento.

Beatriz Pugliese (1)

Sim, popularmente falando, Beatriz apenas tem grandes pintas.

Mas, infelizmente, isso não impediu pessoas maldosas de apelidarem e ofenderem Beatriz.

Beatriz Pugliese (2)

A condição de Beatriz é classificada como nevo melanocítico congênito gigante, pois afeta mais de 80% de sua pele.

O caso também é raro, afetando uma a cada 500.000 pessoas.

“Nós precisamos ver o que somos por dentro”

Beatriz Pugliese (3)

“Eu sempre digo que nós precisamos aprender a ser felizes com o que temos, em todo aspecto da vida, mas especialmente em nossas diferenças”, conta ao jornal Daily Mail.

Após sua última cirurgia em 2008, Beatriz decidiu não fazer mais procedimentos médicos para mudar sua pele.

Em vez disso, ela aceitou e abraçou sua aparência.

Beatriz Pugliese (5)

“Nós precisamos ver o que somos por dentro… Isso soa como um clichê, mas é verdade”, explica.

“Eu espero inspirar outras pessoas a gostarem de ser quem realmente são, para se sentirem confiantes na própria pele”.

“A natureza é fascinante”

Beatriz reconhece a beleza e a complexidade da mãe natureza. Hoje ela quer trabalhar com os animais.

Beatriz Pugliese (6)

Ela conta:

“A natureza me fascina, todos os seus detalhes são tão incríveis que eu poderia passar horas na floresta.

Eu amo todos os animais e enquanto eu estiver de alguma forma ligada à natureza, eu sei que vou ser feliz


Recomendamos para você:

Redação

Written by Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Este artista desenha pessoas em troca de ouvir seus segredos. Você toparia?

Ela tirou fotos de pessoas desconhecidas antes e depois de beijá-las