in , ,

Existe uma cidade na Rússia chamada Yakutsk… e se você visita-la uma vez, nunca mais a esquecerá.

Se você não é muito fã do inverno, você provavelmente nunca vai querer conhecer a cidade de Yakutsk, capital da Iacútia (Rússia).

Ou talvez nem quem goste do frio queira conhecer essa cidade, porque ela está a pouco mais de 450 km do Círculo Polar Ártico. Isso significa que as pessoas que vivem por lá têm que conviver com temperaturas subárticas.

Yakutsk é a cidade mais fria do mundo, onde as temperaturas médias anuais são de -21°C. No inverno a temperatura pode chegar a -40°C.

As baixíssimas temperaturas podem afastar muitos turistas, mas não há como negar que a cidade tem sua beleza…

Yakutsk (1)

Fonte: visualnews.com

Durante o inverno, nem mesmo os mais fortes residentes de Yakutsk ficam mais de 20 minutos do lado de fora

Yakutsk (2)

Fonte: visualnews.com

Abrigar-se dentro de lugares fechados é como se sobrevive ao inverno nessa cidade congelada

Yakutsk (3)

Fonte: visualnews.com

Mas Yakutsk não é apenas a cidade mais fria do mundo, ela também vive as mudanças de temperaturas mais severas ao longo do ano…

Yakutsk (4)

Fonte: visualnews.com

Em julho (verão) a temperatura média é de 19°C. Em janeiro (inverno) é de -30°C.

Yakutsk (5)

Fonte: visualnews.com

Os veículos são guardados em garagens aquecidas, cobertos de cobertores…

Yakutsk (6)

Fonte: visualnews.com

As baterias dos veículos também são isoladas para proteger do frio

Yakutsk (7)

Fonte: visualnews.com

A maioria dos moradores de lá usam casaco de pele (em várias camadas)

Yakutsk (8)

Fonte: visualnews.com

Congelamento é uma ameaça real para todos as pessoas que vivem na região

Yakutsk (9)

Fonte: visualnews.com

Willian Binder

Written by Willian Binder

Fundador do Awebic. Acredita numa internet mais amigável. ;-)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Desafio: você consegue encontrar o que está escondido nessas (16) fotos?

Este vídeo de 1 minuto sobre velocidade no trânsito vai assombra-lo por um tempo (aconteceu comigo)