Animação de senhorinha ao comemorar 100 anos é contagiante e cheia de inspiração

Vida longa e cheia de histórias!

Um privilégio de poucos, chegar aos 100 anos de idade com alegria, saúde e uma mente lúcida é o maior presente que Berenice Silveira Isaac poderia ganhar em seu aniversário de centenário. A já tataravó de duas crianças comemorou a data especial ao lado da família, em Betim, interior de Minas Gerais.

Nascida em Bocaiúva, Berenice sempre foi uma mulher trabalhadora e dedicada à família. Mãe de seis filho, avó de 14 netos e com 16 bisnetos, ela viu e formou toda uma geração dos descendentes dos Silveira Isaac e hoje aproveita a tranquilidade e a doçura do melhor da terceira idade.

De acordo com uma das filhas, Alzira Silveira Isaac do Pinho, de 68 anos, o segredo de tantas primaveras da mãe é o espírito comunicativo, inquieto e cheio de fé.

Te interessa?

Graças a Deus, minha mãe sempre viveu rodeada da família e dos amigos. Aos cem anos, ainda está lúcida e bem de saúde. Sempre foi uma mulher muito comunicativa, que gostava ajudar as pessoas, dar bons conselhos. Amava trabalhar e já chegou a atuar em três turnos. Fazia isso com enorme prazer e sempre fez questão de ir para o trabalho muito bem arrumada. Ela era muito dinâmica, alegre e de muita fé. Acho que tudo isso contribuiu para ela chegar aonde chegou”, afirmou em entrevista ao jornal O Tempo.

Créditos: Arquivo pessoal
Dona Berenice comemorou o aniversário ao lado de pessoas queridas

A trajetória profissional é, sem dúvidas, o maior orgulho de Dona Berenice, que já atuou como professora, inspetora de merenda escolar, inspetora de alunos, bibliotecária e funcionária da Polícia Civil, cargo que atuou na emissão de documentos e trabalhou até se aposentar, em 1988.

Ela ficava super orgulhosa quando encontrava alguém na rua que comentava que a conhecia porque foi ela que emitiu a primeira carteira de identidade da pessoa”, contou a filha caçula entre as mulheres.

VIDA LONGA E INSPIRADORA

Tanta simpatia conquistada ao longo dos anos rendeu uma festa de 100 anos pra lá de emocionante para Berenice. Entre flores e ligações para desejar um feliz aniversário, ela teve um tempinho para dizer ao jornal O Tempo que adorou a celebração. “Foi uma maravilha. Fiquei encantada com tanta beleza”, disse a centenária.

Uma vida tão longa é, infelizmente, impossível de passar sem dor. E um episódio marcante levou Dona Berenice a um estado de depressão: a morte do filho, Marco Túlio Isaac que perdeu a vida aos 28 anos em um trágico acidente de carro.

Apesar do período complicado, a senhora superou o ocorrido, como explica uma das filhas. “Ela entrou em depressão e ficou muito mal. Mas, felizmente, deu a volta por cima e conseguiu se reerguer”, afirmou.

São dez décadas de uma vida agitada e marcada por momentos bons e ruins, como é natural da história de qualquer pessoa. Mas, o foco de Dona Berenice sempre foi a alegria e os momentos de superação! E você? Se vê soprando 100 velinhas?

Fonte: O Tempo.

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar