O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros

O destino une da melhor forma a história e a natureza!

O que fazer em Corumbá de Goiás?
O que fazer em Corumbá de Goiás?

Quem mora no planalto central, provavelmente já pegou a BR-114 em direção a esse destino. Corumbá de Goiás fica, mais precisamente, localizado na cidade de Pirenópolis em Goiás.

Patrimônio histórico nacional e que representa a história do povo goiano hospitaleiro, que tramava suas vivências entre a expansão da sociedade e a natureza.

Para qual tipo de viajante é indicado?

Esse destino é ideal para aqueles viajantes que curtem aprender sobre a história do Brasil, além de desfrutar das belezas naturais do país.

Te interessa?

  • E o melhor de tudo: em um só lugar!

É por isso que traçamos o melhor roteiro para aproveitar essa experiência ao máximo e garantir a vontade de voltar

Como chegar em Corumbá de Goiás?

O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros (Fotos: Pixabay/ Francisco Aragão)
O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros (Fotos: Pixabay/ Francisco Aragão)

A viagem entre a capital brasileira, Brasília, e Corumbá de Goiás tem aproximadamente 130 km de distância.

A melhor forma de ir até lá é de carro.

Você poderá apreciar a paisagem, além de ter liberdade para parar no caminho e tirar boas fotos. Antes de chegar ao destino principal, você será contemplado pela beleza do Salto de Corumbá.

No maior parque natural do Cerrado, a natureza é estonteante, tornando-se  convite para pausar no mirante à beira da estrada. Isso é só o começo de uma experiência surpreendente. Os turistas que visitam o local derramam elogios, além de relatarem o desejo de voltar. 

Existem muitas outras coisas, além de cachoeiras em Corumbá e você logo vai descobrir quais são elas! Antes, vamos dar o destaque merecido para as quedas d’água que de longe, camuflam-se entre a natureza e de perto, são um verdadeiro espetáculo.

As cachoeiras em Salto de Corumbá

A região onde o salto está localizado faz parte de uma propriedade rural. Dentro dela, existem algumas das principais cachoeiras para visitação do público.

Ao todo, o lugar conta com 6 quedas d’água. Sendo elas:

  1. Cachoeiras do Ouro,
  2. Gruta e Rasgão (presentes na fazenda)
  3. E Sonho meu e Monjolinho (que estão fora da propriedade).

Roteiro de visitação ao Salto de Corumbá

O Salto de Corumbá é o principal ponto turístico da cidade. A cachoeira tem 65 metros de altura e para se aproximar dela, é preciso estar disposto para percorrer os 800 metros de trilha.

Alguns pontos podem trazer dificuldades, mas o passeio já foi todo pensado para proporcionar a melhor experiência. Você poderá contar com escadas e apoios ao longo do caminho.

Como o local e algumas outras cachoeiras estão dentro de uma propriedade privada, você vai precisar desembolsar o custo para a visitação.

Quem quiser vivenciar salto de forma mais confortável deve se preparar para pagar diárias a partir de R$160 o casal. Já os que não se importam em acampar, podem viver Corumbá de modo econômico,

Prática de esportes em Corumbá de Goiás

O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros (Fotos: Pixabay/ Francisco Aragão)

Quem é do tipo viajante de aventura não pode deixar de incluir Corumbá de Goiás como um dos próximos destinos para viajar. As quedas d’água e corredeiras proporcionam o cenário ideal para a prática de rafting. Esporte que utiliza caiaque e remo para descer pelo leito do rio.

Além disso, é comum que profissionais de rapel desçam na adrenalina de estar apoiado aos paredões das cachoeiras, sentindo a verdadeira força da natureza!

Os ciclistas também podem garantir as passagens para Goiás, pois o terreno acidentado, torna o salto uma verdadeira atração para os praticantes de ciclismo.

Agora que você já sabe que o ecoturismo é uma das características desse destino, é hora de entender um pouco mais sobre a história do local.

Quanto custa viajar para Fernando de Noronha? Anotamos tudo AQUI!

O que fazer em Corumbá

Para conhecer um pouco mais sobre a história e as personalidades locais, você precisará solicitar que dona Maria do Carmo, responsável pelo acervo “Memorial dos Imortais” te leve até a Secretaria de Educação. Essa configuração já mostra o quanto o turismo é algo que está engatinhando na cidade.

O lado positivo é poder visitar os espaços da cidade sem precisar ficar aglomerado. O acervo do Memorial, conta com a literatura dos escritores José J. Veiga e Bernardo Élis, naturais de Corumbá.

O principal livro de Veiga foi “Os cavalinhos do planalto” e rendeu-lhe reconhecimento nacional. Já a carreira de Élis foi marcada pela entrada na Academia Brasileira de Letras. Vale a pena conferir suas contribuições para a cultura e literatura do país.

O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros (Fotos: Pixabay/ Francisco Aragão)

A história enraizada em Corumbá de Goiás

Esse roteiro é um bom atrativo para os interessados por história. Assim como Cidade de Goiás, Cocalzinho, Jaraguá e Abadiânia, Pirenópolis fez parte do ciclo de ouro em seu estado. Suas representações na arquitetura icônica do século 18 estão em excelente estado de preservação e isso atrai olhares do mundo todo.

A cidade foi tombada como patrimônio histórico e artístico nacional e os turistas podem visitar a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Penha de França para entender como o período de descobrimento do ouro na região foi importante para sua construção. 

O Cine Teatro Esmeralda também é uma antiga construção, aberta à visitação, que remete ligeiramente ao estilo de vida da época. Sua estrutura foi uma das primeiras do Brasil a oferecer os equipamentos necessários para promover entretenimento e tecnologia ao alcance da população.

A importância da Igreja Matriz para o desenvolvimento local

Como citado anteriormente, a Igreja de Nossa Senhora da Penha de França foi construída, pelos bandeirantes paulistas, em agradecimento ao ouro encontrado em Corumbá. 

A construção é a primeira feita em alvenaria em toda a cidade e a riqueza em seus detalhes é um verdadeiro deleite para os olhos!

O que fazer em Corumbá de Goiás? Separamos as melhores atividades e roteiros (Fotos: Pixabay/ Francisco Aragão)

Uma curiosidade:

O teto ser todo decorado com um afresco que representa a aparição de Nossa Senhora dos Pirineus Franceses, padroeira local.

A obra foi escolhida porque o ouro foi encontrado no dia de celebração para a santa.

Depois da primeira construção, os bandeirantes construíram ranchos ao redor da Igreja e o grupo de construções recebeu o título de patrimônio histórico e artístico nacional no ano de 1988.

O que esperar de uma viagem a Corumbá de Goiás

  • Esse destino é bem tranquilo e silencioso.

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Se você está em busca de uma viagem para descansar, colocar as ideias no lugar e se reconectar com a natureza, está indo a cidade certa.

Apesar de pacato, o espaço conta com o Centro de Atendimento ao Turista. Ele foi inaugurado recentemente e oferece atendimento especializado aos visitantes que precisarem.

Veja mais ›
Fechar