O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para você ir até a capital da Bolívia

Você não pode deixar de conferir!

O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)
O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)
publicidade

Você está em busca de um destino interessante na América Latina? Sucre é uma opção que está localizada na Bolívia. A apenas 690 km de La Paz , a capital do país, Sucre não é um dos destinos mais conhecidos entre os turistas e viajantes pelo mundo. Ainda assim, ele chama atenção pela arquitetura marcante e pelos detalhes que encantam seus visitantes. 

Se você está em busca de um lugar para desacelerar e aprender mais sobre a cultura de outras civilizações, esse pode ser o destino perfeito. Levando em consideração o custo-benefício, você consegue aproveitar a cidade super bem.

Prepare-se para um destino de aventura e altitude!

Apesar do contexto urbano, Sucre vai te surpreender através dos detalhes. O local é considerado a capital constitucional da Bolívia desde que foi instaurada a República no país. Seu centro histórico abriga um acervo muito rico que lhe rendeu o título de patrimônio mundial da Unesco.

publicidade

Te interessa?

O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)
O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)

Dicas para quem vai até Sucre pela primeira vez 

  • Muitos viajantes sabem que a documentação é um dos critérios mais burocráticos na hora de viajar. Mas se você deseja ir para a Sucre não precisa se preocupar com isso. Basta ter em mãos um RG em bom estado de conservação. 
  • Atualize o seu cartão de vacina para entrar no território boliviano. Verifique quais são as doses recomendadas para a viagem. 
  • A melhor opção de casas de câmbio para quem viaja até Sucre fica em Santa Cruz de la Sierra, a 490 km do destino final. 

Os pontos turísticos mais cobiçados de Sucre

Montamos um roteiro para facilitar a sua viagem à Sucre. A cidade conta com inúmeras atrações e com uma estrutura completa para receber turistas e viajantes. O clima por lá respira arte e cultura, trazendo à tona as tradições deixadas pelos povos originários da Bolívia. 

publicidade

Se você quer viver essa experiência verdadeiramente, não pode deixar de incluir os pontos a seguir em seu cronograma. Vale a pena pesquisar também se existem taxas ou a necessidade de programar os passeios. 

Roteiro de passeios em Sucre

  • Praça 25 de maio E centro histórico 

Esse é o ponto principal da cidade. Logo ao chegar na região da praça 25 de maio você poderá perceber as características mais marcantes de Sucre. As construções do envolto da praça traduzem bem a forma como aquela civilização foi se estabelecendo. 

publicidade

Sucre é conhecida como La Ciudad Blanca. A maioria de suas construções possui essa cor. Outra curiosidade é que Sucre já possuiu 4 nomes, sendo cada um deles associado a um momento da história da cidade. 

  • Casa de la Libertad 

Esse é mais um dos pontos turísticos que você vai encontrar no centro histórico de Sucre. Foi nesse prédio que Simón Bolívar fundou a República boliviana em 1822. Essa atração está disponível praticamente durante a semana toda. É importante conferir os horários de funcionamento. 

Você também pode aproveitar que já está no centro histórico para apreciar as praças e monumentos espalhados pela cidade. A reprodução das mulheres indígenas com tranças e saias coloridas servem para enfatizar a riqueza cultural produzida no território de Sucre. 

publicidade
  • Catedral Metropolitana 

Essa construção pode te surpreender graças a forma que ela mistura estilos arquitetônicos. Construída em 1555, a catedral possui traços renascentistas com boas doses do estilo barroco. Toda ela foi pensada para refletir o potencial artístico daquela época. 

O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)
  • Museo del Tesoro  

Sua próxima parada é neste museu que reúne um acervo repleto de metais e pedras preciosas, originárias de fontes no território boliviano. Apesar de funcionar diariamente, é importante você entrar em contato direto com a instituição e fazer uma reserva. Os horários de funcionamento são super flexíveis e podem ser durante o no fim de semana. 

publicidade
  • Iglesia Nuestra Señora de la Merced 

Esse é mais um dos pontos incríveis que você pode apreciar passeando pelo centro histórico de Sucre. Essa igreja do século 16 tem o interior todo trabalhado no estilo barroco. Detalhes em dourado trazem um ar sofisticado para a igreja 

  • Parque Cretáceo 

Indo para outra parte da cidade, podemos encontrar o Parque Cretáceo. Quase ninguém sabe mas, Sucre é uma referência mundial em Paleontologia. O acervo do parque conta com inúmeras representações dos dinossauros e assuntos associados a essa temática. 

publicidade

Uma das partes mais interessantes do acervo é a coleção de pegadas de dinossauros. Através delas você consegue ter dimensão da magnitude desses animais. 

Vale admitir que não é em todo lugar que encontramos algo como isso. Não deixe de incluir no seu roteiro de viagem. O local é perfeito, principalmente para quem viaja em família ou com crianças. 

  • Templo de San Felipe Neri 

Esse templo é um dos mais enigmáticos da Bolívia. Fundado no ano de 1800, ele abriga diversas pinturas neoclássicas do século 18 e 19. Mas não é apenas isso. O espaço também engloba criptas de momentos muito afastados na história. 

publicidade

Pesquise os dias de visitação e o horário de funcionamento antes de colocar este destino em seu cronograma de viagem. 

  • Mirante de La Recoleta 
publicidade
O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)

Essa atração turística fica dentro do monastério franciscano de La Recoleta. Localizado em uma das regiões mais altas da cidade, a construção é datada de 1601 e carrega o DNA da história do povo de Sucre. 

Seu cronograma de viagem 

Essas atrações podem ser visitadas em pelo menos 2 dias. Se você tiver um cronograma mais folgado e estiver viajando em um período de alta temporada, é possível que aproveite ainda mais. Vale a pena reservar de 4 a 6 dias para conhecer Sucre de forma mais profunda. 

Mesmo não sendo um dos destinos mais badalados, a cidade conta com uma estrutura capaz de encantar os visitantes e trazer experiências enriquecedoras. Com uma cultura autêntica, seu povo carrega história e tradição. 

O que fazer em Sucre? Montamos a viagem perfeita para a capital da Bolívia (Imagens: Unsplash)

Um dos grandes benefícios em viajar é reunir experiências trocadas com pessoas que possuem realidades diferentes da sua. Levando em consideração alguns destinos da América Latina, Sucre também é uma opção de roteiro econômica. Reúna suas economias e visite a Bolívia independentemente do seu orçamento. 

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

É possível encontrar desde opções mais sofisticadas para se hospedar e comer, até aquelas mais simples e tradicionais. Eu tenho certeza que você vai amar viajar no estilo low cost pela Bolívia. 

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar