Alunos da rede pública são vencedores em Olimpíada de Matemática Internacional

Mentes brilhantes!

O terror para muitos alunos, a matemática é aquela matéria que muita gente tem traumas e foge a qualquer custo. No entanto, alguns apaixonados pelos números conseguem enxergar soluções e novos horizontes através dessa área das exatas.

E foi essa sede pelo conhecimento que deu a quatro alunos de uma escola pública de Nilópolis, região metropolitana do Rio de Janeiro, medalhas na 12º Olimpíada Internacional de Matemática, na China.

Ganhadora da medalha de ouro na competição, Vitória Camilly Rodrigues, já está acostumada com as vitórias. Ao todo, ela acumula 14 medalhas em olimpíadas de matemática e sonha em estudar astrofísica no Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), nos Estados Unidos e uma das principais universidades de tecnologia do mundo.

Te interessa?

Além da jovem, outros três alunos foram destaque na Olimpíada: Nicolas Fonseca, ganhador da medalha de prata, e as irmãs Leticia Maria Guimarães e Lorena da Costa, ganhadoras das medalhas de bronze.

Créditos: reprodução
Jovens ganham medalhas em olimpíada internacional de matemática, que aconteceu na China

O grupo participa de um projeto comandado pelo professor Fernando Rocha, que incentiva o interesse pela matemática no Colégio Estadual Marechal Zenóbio da Costa há cinco anos.

Empenhada, Vitória sempre foi a grande aposta do professor e precisou de muito apoio do mestre para continuar os estudos e não desistir. Durante o período da pandemia, a estudante precisou parar com as aulas, pois a mãe estava sem emprego e não tinha com condições financeiras para pagar internet e nem comprar um computador ou um celular.

Preocupado, Fernando doou um notebook próprio e os colegas de turma também se mobilizaram para custear a internet da jovem que conseguiu voltar aos estudos. Agora, ela faz planos para quando acabar a escola e já tem a MIT como principal objetivo. “Eu quero um futuro melhor para mim e quero dar uma vida melhor para a minha mãe. E eu sei que posso fazer isso”, disse em entrevista ao G1.

PAIXÃO PELOS NÚMEROS 

As medalhas na competição da China chamaram a atenção internacional, e agora os alunos se prepararam para uma nova disputa, dessa vez em Londres. Animaos, eles já estão a todos vapores estudando e se preparando para garantir a vitória novamente.

Sua grande paixão, Nicolas ama os números e sabe que quer trabalhar com isso no futuro. “Eu vejo a matemática e, quanto mais difícil, mais interessante ela é”, afirmou.

Já Lorena sabe que o conhecimento pode levá-la a alcançar os mais altos voos. “É muito orgulho saber que eu posso chegar aonde eu quiser com o meu conhecimento e saber que o meu esforço vale a pena e que a educação pública brasileira tá chegando internacionalmente”, enfatizou.

São projetos como esse do professor Fernando que alimentam a sede pelo conhecimento e abre caminhos para alunos de todas as classes sociais. Que mais jovens possam encontrar na paixão pelos estudos um novo horizonte para um futuro melhor!

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar