Barqueiro resgata bebê que boiava dentro de caixa no rio Ganges

Uma triste realidade!

Barqueiro resgata bebê que boiava dentro de caixa em rio
Barqueiro resgata bebê que boiava dentro de caixa em rio

Um barqueiro indiano ficou bastante conhecido por causa de um resgate que fez no estado de Uttar Pradesh, quando percebeu que havia uma caixinha boiando no rio Ganges, na Índia.

Glo Chaudhry chegou a dizer que começou a ouvir algo vindo rio e quando parou para analisar o que estava ouvindo, percebeu que era o choro de um bebê que brotava de algum lugar.

Ao boiar junto com a correnteza da água, ele percebeu que muitas pessoas também notaram que tinha um bebê boiando na caixa e ninguém fez nada para resgatá-lo.

Mas não foi isso que fez ter seu nome tão falado pelo mundo. As pessoas não ligaram para o que ouviam, enquanto ele, correu em direção, a pegou no colo no meio das pessoas que apareceram ao seu redor e a levou para casa.

A pequena Ganga – palavra em hindu que significa rio sagrado – tinha apenas 21 dias de nascida. Escrito na caixa, estava o seu nome, data de nascimento, a hora e seu horóscopo.

Depois de ter chamado a polícia, a pequena foi levada para hospital e foi muito bem cuidada pelos profissionais, que fizeram exames e lhe puseram em monitoramento.

Barqueiro resgata bebê que boiava dentro de caixa em rio

Ação benevolente

Estando sob os cuidados das autoridades, quando chegarem a ter certeza de que a pequena está bem e que passe por um período de recuperação, será levada em seguida para um abrigo.

Graças ao barqueiro Glo, a bebê conseguiu ser salva à tempo. De acordo com as informações das autoridades locais, a forma como foi deixada reflete uma triste série de abandono de meninas.

Como forma de gratidão pelo resgate – já que muita gente viu a garotinha antes e não lhe salvou -, Glo ganhará uma casa como forma de recompensa pela bondade que fez.

Ainda de acordo com as autoridades que estarão fazendo investigações, o abandono de bebês que nascem com sexo feminino é mais comum do que muita gente imagina.

Barqueiro resgata bebê que boiava dentro de caixa em rio

Uma realidade que quebra o nosso coração

Além disso, muitas mães quando descobrem que estão grávidas de meninas acabam procurando clínicas ilegais para fazerem aborto por causa do grande preconceito de gênero que é comum no país.

Mesmo sem confirmarem que de fato esse é motivo pelo qual a Ganga chegou a ser abandonada dentro de uma caixa no rio, causas similares foram levantadas por causa dessa crença existente.

Outra questão também, é que uma menina pode ser um verdadeiro “fardo financeiro” para uma família que não vive em boas condições, já que precisam de “mais” para integrar-se na sociedade.

Os casos de abortos e recém-nascidos que são abandonados vivos ou encontrados mortos é mesmo alarmante. O Ministro-Chefe Yogi Adityanath garantiu que Ganga receberá todo o cuidado que precisa e o governo irá mantê-la.

Fonte: BBC