Ex-morador de rua vence as drogas e inspira com 920 pontos na redação do Enem

Que superação inspiradora!

Ex-morador de rua vence as drogas e inspira com 920 pontos na redação do Enem
Ex-morador de rua vence as drogas e inspira com 920 pontos na redação do Enem

São histórias como a do seu Alexandre Camilo, de 55 anos, que nos enchem de inspiração para sermos pessoas melhores do que fomos e querer avançar mais todos os dias de nossas vidas.

Ao contar sua história, o carioca que viveu em Fortaleza, no Ceará, contou que se mudou para a cidade para tentar novos rumos. Mas acabou se tornando um usuário de drogas e se viu estar em situação de rua durante mais de nove meses.

Quando se mudou para Teresina, uma entidade chamada Pastoral do Povo da Rua de Teresina, que é credenciada à Coordenadoria Estadual de Enfrentamento às Drogas do Piauí (Cendrogas-PI).

Enfrentando suas batalhas e quebrando obstáculos, Alexandre acabou se tornando um novo colaborador e passou de usuário para um grande ajudador na recuperação de outros dependentes.

Graduado em biologia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e com mestrado em Ecologia e Recursos Naturais pela UFSCar, decidiu que tinha mais uma missão para a sua vida. E lembra:

“Eu sou autor de um livro de poesias, lançado em 2020, e estou com outro quase pronto. Agora eu vou ter a possibilidade de entrar novamente na universidade, melhorar o meu português. Estou correndo atrás dos meus sonhos: ter uma família e escrever”.

E para realizar seu sonho, esse ano o Alexandre chegou a fazer o Enem e deu um verdadeiro show de escritor, quando contou que conquistou 920 na redação desta edição.

A meta é conseguir cursar Licenciatura Plena em Letras Português e prosseguir com um dos seus sonhos, que é melhorar ainda mais sua escrita – que por sinal já está de parabéns – evoluir como escritor.

Ex-morador de rua vence as drogas e inspira com 920 pontos na redação do Enem

Uma conquista que inspira quem precisa acreditar em suas mudanças

Contando sobre a sua preparação para o Enem, até lembra que já esperava ter um bom desempenho na redação que fez. Só que ainda assim, ao ver o resultado, se surpreendeu com a nota que chegou a ter.

E lembra: Já tenho um curso superior, e infelizmente, ao longo do tempo, a vida nas drogas acabou me tirando tudo. Mas estou dando a volta por cima”.

Usando materiais físicos e a internet, grande parte do seu tempo foi usado para estudar ainda mais e tentar ao máximo conquistar uma nota boa o suficiente para que lhe garantisse um lugar no curso que deseja.

Se esforçando bastante, diz mais ainda: “Ter uma nota expressiva em uma prova tão concorrida quanto o Enem é uma satisfação muito grande, um reconhecimento da minha força de vontade e perseverança”.

Assim como para os que o conhecem, com certeza o Alexandre é uma grande inspiração no que podemos falar sobre superação. E que possamos ser assim, sonhadores e batalhadores para sermos melhor que nós mesmos!

Fonte: G1

publicidade