Nascido aos 4 meses, bebê recebe alta após 127 dias internado

Um pequeno guerreiro!

Nascido aos 4 meses, bebê recebe alta após 127 dias internado
Nascido aos 4 meses, bebê recebe alta após 127 dias internado
publicidade

No Pará, uma criança que nasceu prematuramente com apenas 27 semanas e pesando 780 gramas, passou 127 dias na UTI, desses passando 80 dias entubado, mas sobreviveu e mostrou uma força sobrenatural.

No dia 12 de julho deste ano, Ivana Borges, de 25 anos, foi encaminhada do município de Bragança para uma urgência médica da capital do Pará, Belém, com apenas cinco meses de gestação, por estar perdendo líquido e o coração do bebê estar acelerado.

No mesmo dia nascia Vitor Kaleb, uma criança prematura que pesava apenas 780 gramas e que teve de ser afastado da mãe e ficar sob os cuidados da equipe neonatal do hospital onde nasceu.

publicidade

Te interessa?

Devido ao seu baixo peso, a equipe não acreditava que ele sobreviveria mais que um dia. Mas logo notaram que havia algo diferente no bebê. O menino era dotado de uma força de vontade que o fazia sobreviver em meio a altos e baixos.

Após o nascimento, ele teve de passar um tempo entubado. Depois que ele saiu do equipamento, chegou a notícia de que ele teria que passar por uma cirurgia, mesmo sendo ainda muito pequeno, o que deixou todos da equipe aflitos. 

Mas para a surpresa de todos que lhe acompanhavam, quando ele voltou do bloco cirúrgico, o médico cirurgião dizia: “O rapazinho é brabo!”, impressionado com a força daquela minúscula criança.

Dia após dia Kaleb foi mostrando uma capacidade de recuperação bem maior que os outros bebês e agora, depois de 127 dias na UTI neonatal, o pequeno enfim foi transferido para uma sala onde poderá ficar perto de sua mãe.

publicidade

Uma nova fase para o bebê

Embora o bebê não esteja pronto para sair do hospital, a médica ressalta que o contato com a mãe acalma o bebê e ajuda na evolução de seu quadro clínico.

Quando o bebê está estável e vai ao colo, ele reconhece a batida do coração, o cheiro da mãe e isso acalma a criança. Além disso, esses pais ainda são ensinados como realizar o banho, a troca de fralda que é diferenciada, e a detectar sinais de alerta em relação a saúde de seus filhos”, detalhou a especialista.

A mãe por sua vez é só alegria por ter seu pequeno guerreiro em seus abraços após aguardar tanto tempo. “Fico direto com ele, troco fralda, limpo o meu bebê, que já está pesando 2.700. Só não dou os remédios. Está sendo uma experiência incrível”, declarou Ivana feliz da vida.

publicidade

A mãe já nota mudanças no filho. Segundo ela, ele presta atenção quando ela fala e mantendo o mesmo passo de evolução, logo logo eles estarão em casa. ”Não tenho pressa, só quero que o meu filho saia daqui no tempo certo”, enfatizou.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

O bebê é um verdadeiro milagre da sobrevivência. É muito raro um bebê tão prematuro sobreviver, e principalmente passando por situações que o pequeno Vítor passou. O menino mal veio ao mundo, mas já chegou como um verdadeiro vencedor, para nossa alegria e de toda a família.

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar