Orelha 3D feita com células de pacientes traz esperança para milhares de pessoas

O futuro chegou!

Quando alinhada com a saúde, a tecnologia consegue promover verdadeiros milagres. O mais recente se trata de uma orelha de impressão 3D feita à partir das células do próprio paciente. Isso mesmo! O futuro chegou e ele está aqui.

Uma esperança para quem possui algum tipo de deformidade, a inovação médica além de melhorar a autoestima de quem possui algum tipo de deformidade auricular também restaura a audição do paciente, pois o ouvido da 3DBio Therapeutics é 100% vivo

Teorizado e estudado há mais de uma década, o procedimento nunca havia sido de fato realizado na escala em que está sendo feito agora por pesquisadores do 3DBio Therapeutics. O teste foi aplicado em onze pacientes, entre eles uma mulher de 20 anos, que nasceu com microtia congênita, uma doença que a deixou com uma orelha deformada.

Te interessa?

Para criar um molde, os cientistas precisaram fazer uma varredura tridimensional precisa da outra orelha da jovem. Todo o processo e mapeamento foi feito por meio de um computador para garantir que as duas fossem idênticas.

Arturo Bonilla, cirurgião pediátrico de reconstrução de orelha.que liderou a equipe se mostrou animado com os estudos. “Como médico que tratou milhares de crianças com microtia em todo o país e em todo o mundo, estou inspirado pelo que essa tecnologia pode significar para pacientes com microtia e suas famílias”, afirmou.

Créditos: divulgação
Imagem real da orelha “viva” AuriNovoTM impressa em 3D para reconstrução em pacientes

As operações anteriores foram feitas em impressões 3D de próteses com silicone. No entanto, agora as próprias células-tronco dos pacientes foram juntadas em uma “bioink” de colágeno, impressas no ar, enviadas via armazenamento a frio e inseridas sob a pele.

Parece coisa de filme, não é mesmo? Professor de engenharia biomédica da Universidade Carnegie Mellon, Adam Feinberg, não fez parte do estudo, mas trabalha na área e afirma que a orelha 3D é um grande negócio. “Espero que esse tipo de sucesso crie entusiasmo e mostre que isso está mudando do reino da ficção científica para a realidade.

FUTURO E ESPERANÇA

Um alívio para os jovens em fase escolar que se sentem incomodados, esse método de prótese de orelha é um grande salto em direção a outros componentes importantes que podem ser impressos da mesma forma. A ideia inicial não é imprimir órgãos muito complexos, mas sim tecidos mais simples e ricos em colágeno, como um disco espinhal, um manguito rotador ou um menisco, que podem restaurar a mobilidade em pessoas com deficiência. Adam afirma essa hipótese agora está segura no reino do “quando” e não do “se” se tornar possível.

Notícias assim enchem o coração de esperança de qualquer um! Recentemente falamos aqui no Awebic sobre o primeiro remédio para alopecia que restaura os cabelos e devolve a autoestima de milhares de pacientes. A gente torce para quem mais pesquisas assim surjam, deem certo e possam levar mais qualidade de vida para quem precisa!

Fonte: Good News Network

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar