Pescadores mostram o verdadeiro significado de heroísmo e salvam 50 vidas em naufrágio

Heroísmo que não se mede em palavras

publicidade

Quem salva uma vida salva o mundo inteiro. Essa é uma frase muito comum de ser ouvida. Se formos levá-la ao pé da letra, poderemos dizer que esses pescadores heróis salvaram 50 mundos diferentes! Essa foi a quantidade de vidas que eles resgataram durante um naufrágio no Pará.

Os heróis José Learte Lemos, José Cardoso Lemos, José Carlos Santiago Lemos e Rubson Alexandro Lemos foram condecorados com a Ordem do Mérito Grão-Pará Grau Cavaleiro na presença do governador do Pará.

Esses quatro heróis impediram que uma tragédia ainda maior acontecesse (imagem: divulgação/Portal da Cidade)
publicidade

A embarcação ia do Arquipélago de Marajó para Belém no último dia 08 de setembro. Infelizmente, 22 pessoas perderam as suas vidas naquele dia. Se não fossem os pescadores, o número de famílias chorando a morte de um ente querido seria ainda maior.

Te interessa?

“O sentimento desta homenagem é de gratidão. Não tenho palavras para dizer. As pessoas nos ligam chamando de heróis, mas foi algo que fizemos de coração. Nunca imaginei chegar onde cheguei e até falar com o governador”, disse Zezinho, um dos pescadores que recebeu essa homenagem justa e merecida.

Homenagem justa e merecida para quem arriscou sua própria vida em prol de pessoas que nem conheciam (imagem: Ascom Setram/Só Notícia Boa)

Emoção é o que não falta

Já imaginou a felicidade de uma mãe que pôde abraçar o filho e respirar aliviada sabendo que ele está fora de perigo? A Laiane Batalha sentiu isso na pele ao ver o Daniel resgatado com vida.
“Gratidão eterna para eles. Merecem muito mais. Todo reconhecimento que estão tendo é muito pouco. Eu como mãe só tenho que agradecer por terem trazido a vida do meu filho de volta”, afirmou, segundo o site Só Notícia Boa.

publicidade

O governador do Pará, Helder Barbalho, também prestou sua homenagem aos heróis destemidos.

“Em nome do Estado do Pará quero dizer da honra e, acima de tudo, que esse gesto representa o reconhecimento pelo ato heroico, bravura e solidariedade de cada um dos senhores […] Não poderíamos deixar de reconhecer, em nome da sociedade paraense, exemplos que ficam marcados em nossa história, onde quatro homens, pescadores, ao perceberem a gravidade dos fatos, tiveram a coragem e iniciativa de, mesmo colocando suas vidas em risco, salvar dezenas de irmãos e irmãs.”

O naufrágio ainda está sendo investigado e muita coisa ainda precisa ser esclarecida – inclusive, algumas pessoas ainda estão desaparecidas. Junto com essa notícia do ato de heroísmo dos pescadores, fica a esperança de que tragédias como essa não se repitam e que nenhuma família mais precise passar por isso.

publicidade

Aos heróis, nossa admiração e respeito eternos! Que a vida retribua em dobro tudo de bom que vocês fizeram. Arriscar a si mesmo para salvar pessoas que você nem conhece não é para qualquer um.

Clique aqui e aperte o botão " Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Fonte: Só Notícia Boa

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar