Profissionais de saúde doam sangue para repor estoque de hospital em estado crítico

Tanto amor envolvido!

Profissionais de saúde doam sangue para repor estoque de hospital em estado crítico
Profissionais de saúde doam sangue para repor estoque de hospital em estado crítico

Hospitais de todo país estão em conjunto programando o recolhimento de doação de sangue para aqueles que se dispuserem doar. As coisas não estão nada fáceis.

Alguns hospitais estão bastantes preocupados por causa do banco de sangue. Por causa da quarentena, tudo acabou acarretando uma complicação conjunta.

Por não poder se aglomerar, as doações acabaram diminuindo em todo país e no mundo. E ainda por causa do grande número de pacientes em estado grave causado pela doença, os sangues colhidos estão cada vez mais em uso.

Te interessa?

Em outras palavras, os hospitais estão precisando urgentemente de doadores em ação, para que possam ao menos ter o suficiente aos pacientes que precisam.

No Hospital Santa Casa de Santos, os profissionais de saúde decidiram se reunir em prol desse aumento. Juntos, aqueles que podiam doar se dispuseram ser doadores para aumentar o número do banco de sangue.

Compartilhando nas redes sociais diversas campanhas, convites e instruções como fazer parte desse ato voluntário, eles mostraram que até os nossos próprios heróis entraram nesse convide. E contaram mais: “A iniciativa surgiu pela necessidade de doadores no período de ‘lockdown'”.

A atitudes desses doadores chegaram a emocionar os internautas que viram o momento acontecer. Uma delas, emocionada com que viu, até disse:

“Quando eles já chegam no auge do heroísmo, em meio à tantos desafios tentam tirar ainda mais de si em prol de outras vidas, vocês são insuperáveis, que Deus proteja cada um de seus anjos na terra.”

Além de estarem praticamente no meio dos grandes riscos, eles literalmente deram uma parte de si para ajudar quem tanto precisa.

Quer saber como participar dessa campanha na sua cidade?

Como chegamos a falar mais acima, tudo acabou colaborando para o os bancos de sangue ficassem com o seu estoque baixo e chegasse a assustar os profissionais que estão precisando.

Mas é possível fazer esse gesto em diversos locais em todo o país. Algumas cidades até possuem locais especialmente para isso, para acolher doadores, ajudar com dúvidas e fazer a coleta.

Se quiser saber mais detalhes, procure os postos de hemoterapia, as unidades de saúde locais e entre em contato com hospitais próximos para saber como proceder.

Como você deve saber, é preciso cumprir algumas regras para ser compatível com a doação. Podem ser:

  • Qualquer pessoa saudável, com idade entre 18 e 69 anos;
  • Menores (16 e 17 anos) também podem participar se apresentarem autorização dos pais;
  • Mulheres: Permitido 3 doações em 12 meses, com intervalo mínimo de 3 meses;
  • Homens: Permitido 4 doações em 12 meses, com intervalo mínimo de 2 meses;
  • O doador não deverá vir em jejum;
  • Após o almoço, aguarde 2 horas, após o lanche aguarde 1 hora, e evite alimentos que sejam gordurosos.

Por fim, lembre-se: entre em contato com a unidade que irá e confirme as documentações e agendamentos.

Veja mais ›
Fechar