7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz

Um UP eficaz no seu humor!

7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz
7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz
publicidade

Nosso cérebro pode fazer coisas realmente surpreendentes quando precisamos e quando aparentemente não precisamos de truque algum.

Muitas de suas habilidades permanecem um mistério, mas hoje em dia, os cientistas descobrem cada vez mais segredos de seu funcionamento e até maneiras de “enganá-lo”.

Esses truques cerebrais (ou psicológicos) funcionam tão bem que podem até ser usados em nossa vida cotidiana.

publicidade

Te interessa?

Alguns deles podem ser tão úteis como qualquer outra característica perceptível que fazemos propositalmente. Vamos tentar domá-lo então? Confira:

1 – Música pode melhorar seu sistema imunológico

Há algum tempo, uma pesquisa mostrou que a música reduz os níveis do hormônio do estresse, cortisol, mas o mais surpreendente é que a música pode curar.

7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz
7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz

Nosso corpo está intrinsecamente ligado às reações químicas do cérebro. Quando escutamos nossa música favorita, o nível de estresse é reduzido e, portanto, nosso corpo produz mais anticorpos para combater doenças.

publicidade

2 – Tudo que você precisa fazer para se animar é sorrir

Nossa expressão facial influencia nosso humor. Acredite, você pode burlar os sentimentos de tristeza se esforçando para colocar o sorriso em seu rosto.

Se você for caminhar sentindo-se absolutamente feliz e, devido ao sol, você precise franzir a testa, então pode ser que você se sinta para baixo.

Agora, se você não está de bom humor, tente segurar um lápis com os dentes, isso ativará os músculos que normalmente são usados no sorriso e isso enganará seu cérebro.

publicidade

3 – Você pode usar um binóculo para sentir menos dor

Cientistas da Universidade de Oxford provaram experimentalmente que a dor pode ser reduzida se você olhar para a parte machucada de seu corpo através de binóculos invertidos.

7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz

O tamanho da lesão torna-se menor e, portanto, seu cérebro reduz automaticamente a dor. Faça o teste!

4 – A gesticulação ajuda na memória

Psicólogos da Universidade de Manchester afirmam que uma gesticulação ativa ajuda a memorizar e reproduzir melhor a informação.

Muitas vezes, o gesto se relaciona com o que a pessoa está falando no momento. Claro que essas semelhanças são bastante relativas, mas, definitivamente, elas funcionam.

publicidade

Então, quando você ver alguém falando e gesticulando bastante, jamais pense em sorrir dela. Aparentemente, e até mesmo sem saber, ela está sendo mais esperta que muita gente.

5 – As orelhas percebem sons de forma diferente

O mito sobre os lados direito e esquerdo do cérebro foi desmantelado há muito tempo. No entanto, essa teoria explica como interpretamos os sons.

7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz

Nossa orelha direita é melhor para receber sons de discurso, enquanto a orelha esquerda é mais sensível aos sons da música e tons de voz.

6 – Palácio da memória

Esta é outra maneira de memorizar melhor as informações – ótima para quem gosta de estudar e está sempre lendo alguma coisa.

publicidade

Você precisa criar uma imagem de qualquer lugar em sua mente, onde você irá armazenar diferentes informações associadas a algo para você.

O truque é que seu cérebro não se concentra apenas nas palavras, mas também em imagens. Essa imagem criada por você será muito mais fácil de reconhecer do que qualquer número ou fato.

7 – Efeito Ganzfield

O efeito Ganzfeld, ou o efeito “campo completo”, foi originalmente inventado para pesquisar habilidades psíquicas.

7 truques para enganar seu cérebro, domar seu corpo e ser mais feliz

É um fenômeno da percepção causado pela exposição de um estímulo uniforme e não estruturado. Esse efeito é o resultado do cérebro amplificando ruídos neurais na tentativa de enxergar sinais visuais ausentes.

publicidade

O ruído é interpretado pela parte superior do cortex visual, que resulta em alucinações.

Períodos longos em uma cor homogênea e campo de som fazem com que o cérebro comece a ignorar o ruído e as cores, e isso causa um isolamento total.

Os cientistas dizem que tais condições levam à manifestação das habilidades psíquicas de uma pessoa.

***

Clique aqui e aperte o botão "Seguir" para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

publicidade

Compartilhe esse conteúdo com seus amigos que precisam de alguns “hacks” mentais.

E claro, quando for testar alguns deles, compartilha conosco quais foram as suas conclusões! Nós amamos ficar sabendo!

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar