Bailarina brasileira sem braços é finalista em show de talentos alemão

Uma inspiração sem tamanho!

Bailarina brasileira sem braços é finalista em show de talentos alemão
Bailarina brasileira sem braços é finalista em show de talentos alemão

Nessa edição do Das Supertalent, um show de talentos alemão que faz um sucesso enorme com o mundo, o Brasil foi muito bem representado.

Vitória Bueno, de 17 anos, é a bailarina que nos encheu de orgulho ao ficar entre os três últimos finalistas de 2021, com uma apresentação final “enfeitiçadora”, como o próprio programa descreveu.

Para a mineira, esse momento acabou sendo muito mais que uma competição no exterior em que participou. Esse momento acabou sendo a realização de um sonho que sempre se lembrará.

Te interessa?

A dança para Vitória é a coisa mais importante que tem. Sem os braços, ela nunca olhou para as dificuldades que surgiriam em seu caminho durante toda a carreira que estava a construir desde os primeiros anos.

Pelo contrário, a bailarina consegue passar para todos nós a imagem de inspiração que é, quando diz que devemos sempre ir em busca daquilo que amamos, ainda que muitas coisas sujam pela frente.

Há uns meses, em uma entrevista que deu para o site da revista Capricho, Vitória disse que nasceu sem os braços por causa de uma má formação congênita. Todavia, isso nunca foi uma barreira.

Com uma bela carreira que só avança, além de participar do Das Supertalent, ela já chegou a ser aprovada pela Royal Academy of Dance, que fica em Londres e já se apresentou na Alemanha também.

Bailarina brasileira sem braços é finalista em show de talentos alemão
Bailarina brasileira sem braços é finalista em show de talentos alemão

Quando questionada ao que mais ama, não consegue se decidir e diz:

“Eu faço balé, jazz e sapateado. Todo mundo me pergunta qual eu gosto mais, porém eu gosto de todos. É tipo como um filho, não dá para escolher um preferido. Cada um deles tem uma conexão diferente com o meu corpo”.

A violão cheia de orgulho dos padrões

E como chegamos a falar mais acima, a Vitória é mesmo uma grande inspiração para todos nós quando o assunto é ir em busca das realizações que tanto sonhamos.

Para ela, o dançar é uma paixão em que os padrões não cabe. Como é ali em que está a sua verdadeira felicidade, garante que “para ser feliz, não precisa de um padrão”.

 

Ainda de acordo com ela, nascer sem os braços foi uma coisa natural. Com o avançar da idade, ninguém nunca precisou dizer para ela as coisas que precisava fazer:

“Eu sempre tive em mente que tudo que todo mundo fazia com as mãos, eu teria que fazer só com os pés.”

Cheios de orgulho por cada conquista que essa bailarina incrível possui, sabemos que não há nada que ela queira, que não conseguirá. Vitória é uma inspiração para nós!

O que você achou? Siga @awebic no Instagram para ver mais e deixar seu comentário clicando aqui

Veja mais ›
Fechar