jovem-de-19-anos-vence-cancer-e-inspira-o-mundo-com-superacao-da-doenca

Jovem de 19 anos vence câncer e inspira o mundo com superação da doença

Ao todo, Artur Pacheco, de Franca (SP), foi submetido a seis rodadas de quimioterapia.

publicidade

Um jovem de apenas 19 anos diagnosticado no ano passado com um câncer no sistema linfático comemorou a remissão da doença produzindo um vídeo incrível em que mostra seu progresso até a vitória contra um linfoma maligno.

Ao todo, Artur Pacheco, de Franca (SP), foi submetido a seis rodadas de quimioterapia.

Para motivar outras pessoas que, como ele, enfrentam o câncer, ele reuniu mais de 300 fotos tiradas ao longo de um ano e fez um vídeo time-lapse que mostra o antes e depois do tratamento. […] Você vai perder o cabelo durante o tratamento, mas depois ele vai crescer e você vai ficar bem“, diz Artur em um vídeo divulgado no Instagram.

publicidade

O rapaz documentou todo o tratamento, angariando mais de 150 mil seguidores na rede social.

Agora em remissão da doença – fase em que não há sinais de atividade dela, mas ainda não é possível concluir como cura, – Artur faz acompanhamento médico a cada três meses, ao passo que permanece compartilhando o assunto para conscientizar as pessoas, mostrando que a cura existe, apesar do tratamento agressivo.

Vale a pena lutar pela vida, ser forte, porque nada na vida da gente vem pronto, a gente tem que batalhar”, afirmou o jovem. Ele conta que foi diagnosticado com o linfoma quando estudava Publicidade & Propaganda, tendo que trancar a faculdade para cuidar da saúde.

publicidade

Os planos de fazer um intercâmbio com a namorada também caíram por terra. Artur precisou se reinventar.

Foram dois meses fazendo exames, que identificaram quatro nódulos no pescoço do rapaz, todos indolores.

Eu tinha cabelo grande então não sabia a data que o caroço se desenvolveu no pescoço. O cabelo tampava. Quando senti, os médicos disseram que já estava ali há um bom tempo. Fiz duas biopsias e deu câncer”, contou.

O tratamento foi feito em Ribeirão Preto (SP) e São Paulo (SP). Seis ciclos ao todo. “Ficava 8 horas no hospital e outra parte, durante 3 dias seguidos, das 7 às 19h”, relembra Artur. Conforme a quimioterapia avançava, ele não conseguia sequer andar, extremamente fragilizado.

publicidade

Nesse meio-tempo, o jovem contou com o apoio fundamental dos familiares, amigos e a namorada. Era difícil se olhar no olhar no espelho e enxergar-se careca. Foram meses difíceis, mas de puro aprendizado, segundo Artur.

Na quimioterapia a gente passa muito mal. É muito remédio forte. Eu emagreci muito eu passava dias sem comer. Tudo que eu comia eu vomitava. Então eu comecei a dar valor nessas coisas. Porque conseguir almoçar era uma vitória. Isso me trouxe um amadurecimento, um novo olhar pra vida“, confidencia.

Ao longo dos meses, sua vivência foi compartilhada nas redes sociais, que o jovem tem utilizado para inspirar e motivar as pessoas. Ele conta que o câncer não é como a sociedade em geral, por falta de conhecimento, enxerga.

A ideia de que a doença ‘se pega ou se passa’, ou que o diagnosticado está fadado a morrer não importa qual seja o tratamento, é uma noção esdrúxula da realidade. Nesse sentido, Artur tem feito o possível para conscientizar seus seguidores, sempre solícitos e empáticos com o rapaz.

View this post on Instagram

Hoje 04/10/19 comecei uma nova jornada aonde o final é a CURA. Oi, me chamo Artur, tenho 18 anos e no dia 23/08/19 notei algo estranho acontecendo comigo. Não dei muita bola, pois não haviam sintomas e não deu alterações em nenhum dos meus 50 exames, porém fui em 10 médico e no dia 04/10/19 fiz a minha segunda cirurgia no lado esquerdo do pescoço. Nunca queremos ou imaginamos acontecer o pior com a gente, e diante a tudo que está acontecendo, apresento a vocês uma única palavra que descreve todos estes momentos que estou passando: “GRATIDÃO”. GRATIDÃO por ter minha família ao meu lado. GRATIDÃO por ter um ANJO em minha vida. GRATIDÃO pela força que meus amigos estão me dando. GRATIDÃO por ter a proteção do meu ANJO da guarda. GRATIDÃO por ter médicos com as mãos guiadas por Deus. GRATIDÃO por Deus ter colocado situações em minha vida para me fazer pensar. GRATIDÃO pelas orações de todas as pessoas, principalmente daquelas que não me conhecem mas sentiu empatia por mim e pela minha família. GRATIDÃO por hoje ter recursos para a CURA. GRATIDÃO GRATIDÃO GRATIDÃO. ME ACOMPANHE NOS STORIES (DESTAQUES) ! ESTOU POSTANDO COM MAIS DETALHES SOBRE TUDO.

A post shared by artur ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀ (@turpacheco) on

Hoje eu tenho uma cabeça, um olhar diferente da vida. Dar valor nas coisas, nas pessoas que a gente tem porque nada é pra sempre. Eu vi minha vida passando assim num piscar de olhos, ela mudando da noite pro dia“, relata Artur.

Para ele, aceitar tudo foi extremamente difícil, mas vencer foi recompensador. “E eu quero dar esta força pras pessoas que passam por isso, que descobrem, por isso eu sempre vou compartilhar esse assunto”, concluiu.

Assista ao vídeo que viralizou:

Fonte: Só Notícia Boa