Menino de 7 anos nada por 1 hora, pede ajuda e resgata sua família de afogamento

Os heróis que amamos!

Menino de 7 anos nada por 1 hora, pede ajuda e resgata sua família de afogamento
Menino de 7 anos nada por 1 hora, pede ajuda e resgata sua família de afogamento

O que era para ser mais um momento em família com muita descontração e muita animação, acabou se tornando um momento de pavor para esse pai e seus dois filhos pequenos.

Steven Poust chegou a contar que era um hábito entre ele e sua família ter dias em contato com a natureza e sempre estavam se divertindo tomando banho de rio ou navegando no barco.

Mas dessa vez, o rio St. Johns, que fica na cidade de Jacksonville, no norte da Flórida, EUA, acabou se mostrando feroz e perigoso, diferente de como era em todas as vezes anteriores que vinham nadar.

No meio de muitos balanços, a pequena Abigail, de apenas 4 anos, chegou a se afastar repentinamente do seu pai, que estava no barco, quando as condições do rio acabou mudando e o barco afastou demais com os balanços.

Nesse meio tempo, pode-se imaginar o desespero desse pai, não é? O pequeno Chase, de 7 anos, até tentou ir ajudar sua irmã quando tinha visto ela se afastar, mas ficou preso.

Ao ver aquele situação desesperadora, Steven tentou ajudar a filha que estava na água e ambos acabaram se afastando cada vez mais com a força da correnteza. 

Pensando em buscar ajuda, Chase se pôs a nadar o mais rápido que podia para que encontrasse alguém que lhe oferece socorro e conseguisse salvar seu pai e sua irmã, que estavam sendo levados pela correnteza.

Menino de 7 anos nada por 1 hora, pede ajuda e resgata sua família de afogamento

Um garotinho que passou longe de ser esperto

Ele continuou nadando, nadando… Foi basicamente uma hora dentro da água nadando da forma que aprendeu com seu pai. E revesava entre o nado cachorrinho e seu descanso.

Quando se sentia muito cansado, o Chase se preparava para boar até que pudesse recuperar o fôlego o suficiente para voltar a nadar e conseguir encontrar ajuda.

Reconhecendo que não foi fácil, até confessou que: “A corrente estava indo contra o barco e a costa, então era muito difícil nadar naquela direção”.

Ao avistar a primeira casa, o garotinho chegou a chamar a família que morava ali e contou a situação em que ele, seu pai e sua irmã acabaram se encontrando.

Sem demora, o pessoal que lhe ouviu rapidamente acionou o Departamento de Bombeiros e Resgate de Jacksonville, que prontamente se dirigiram até o local para fazer o resgate.

As buscas

O Departamento de Bombeiros contou com a ajuda de pessoas que faziam parte do Gabinete do Xerife e a Comissão de Conservação de Peixes e Vida Selvagem da Flórida.

Muita gente estava em prontidão à procura dos dois. Cerca de alguns quilômetros de onde estavam, conseguiram encontrar pai e filha, que por causa do colete boiavam enquanto era levados pela correnteza.

Depois de um tremendo susto, o resgante foi feito com muito sucesso. E tudo graças ao pequeno Chase, que agiu como um verdadeiro herói em meio ao perigo!

publicidade