in

Resiliência é a nova felicidade: antes de ser feliz você precisa ser forte

A felicidade é um negócio sério.

Inspiradas pelo movimento psicológico positivo, as corporações possuem cargos de “diretores de diversão” e instituições conceituadas como Stanford e Yale oferecem aulas sobre felicidade.

Mas essa paixão por bons momentos está apenas criando confusão sobre o que significa ter sucesso e quais habilidades precisamos para ter sucesso.

A psicóloga Anna Rowley – que aconselha executivos da Microsoft e de outras empresas – evita a palavra “felicidade”.

Ela acredita que a resiliência é a habilidade mais importante para cultivar, dada a rápida taxa de mudança econômica e tecnológica.

Se sentir bem é bom, mas é uma coisa passageira. Aprender a lidar com a dificuldade, pelo contrário, melhora suas chances de se sentir bem novamente.

Isso é muito mais útil do que se agarrar a uma ilusão.

Nem sempre podemos ser felizes. O prazer é um estado relativo, contrastado pelo desconforto e pela dor. Entre momentos passageiros e agradáveis, há muitos desafios que fazem da felicidade um alívio.

Então, para ser feliz, primeiro você precisa aprender a ser forte; para se levantar depois de uma queda, desapegar da tristeza quando não tiver sucesso em algo e encontrar a vontade de persistir em vez de ficar deprimido quando as coisas dão errado, o que acontece com frequência.

Adicionar APP Awebic

Resiliência é a nova felicidade

Os psicólogos dizem que a resiliência é uma habilidade desenvolvida, não um talento de pessoas únicas, abençoadas com um caráter especial. É cada vez mais ensinado a adultos e crianças.

Por exemplo, em Silver Spring, Maryland, crianças ansiosas da quinta série fazem um curso de treinamento intensivo de 12 semanas chamado Resilience Builder Program. A aula foi desenvolvida pela psicóloga Mary Alvord, que conta à NPR:

Redação

Written by Redação

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

10 incríveis mulheres da filosofia que você talvez ainda não conheça

Mais inteligente, não mais árduo: como obter sucesso no trabalho