Professora viraliza ao criar gambiarra com leite e feijão, para dar aulas online

Professora viraliza ao criar gambiarra com leite e feijão, para dar aulas online

Ainda que tenha sentido dificuldade no começo, hoje a história de Maria Aparecida inspira dedicação!

publicidade

Nessa quarentena, vários profissionais estão se reinventando para conseguir manter as suas atividades. Entre eles estão os professores, que precisaram de última hora, se adaptar aos meios virtuais para poder repassar aula para os seus alunos que estão em causa sem aulas presenciais.

Maria Aparecida da Silva Biggon é uma professora sensacional que acabou se tornando conhecida após criar uma gambiarra bem inusitada para segurar o seu celular, enquanto trabalhava com suas atividades sobre a mesa.

Sendo então uma profissional de tirar o chapéu, Maria Aparecida já está dando aula há mais de 40 anos. E devido isolamento social, onde os professores tiveram que repassar suas aulas através dos aparelhos telefônicos, se deparou com a ferramenta que não tinha certo manuseio.

publicidade

Com ajuda dos colegas de trabalho e sua filha em casa, acabou conseguindo criar várias formas para quebrar o seu galho durante as transmissões.

Após utilizar um saco de feijão mais uma caixa de leite para garantir o suporte do celular fixado enquanto repassava as aulas de espanhol em português, sem esperar, se tornou um verdadeiro viral com sua criatividade.

professora-da-aula-com-gambiarra

Suas aulas são dadas para alunos de escolas particulares na Baixada Fluminense, estado do Rio de Janeiro. E assim como aconteceu com vários outros professores, nas primeiras semanas, a professora Maria Aparecida revelou ter sentindo muitas dificuldades para se adaptar aos meios online.

publicidade

Em uma matéria feita pela Época, contou até, que passou por várias crises de ansiedade e problemas de saúde justamente pela insegurança que veio passando, ao trabalhar com uma coisa com quem nunca tinha trabalhado nas últimas quatro décadas de experiência como professora.

Agora, se sente bem mais confiante do que antes. Mas acabou reconhecendo que ainda bate certo arrependimento, por não ter buscado antes, as práticas com os meios mais tecnológicos que temos disponíveis nos dias atuais.

Se tornando conhecida no país inteiro, Maria Aparecida entrou para o grupo de heróis que recebemos nessa quarentena. Assim como muitos outros professores que estão se virando da forma que conseguem, pais, alunos, escolas e agora o Brasil inteiro irá se inspirar em sua história de dedicação.

COMENTÁRIOS | Deixe sua opinião!

comments