Casais que nunca brigam? Todos eles fazem ESTA COISA e nunca terminam!
Casais que nunca brigam? Todos eles fazem ESTA COISA e nunca terminam!

Casais que nunca brigam? Todos eles fazem ESTA COISA e nunca terminam!

É possível sim construir uma relação saudável!

publicidade

Manter um relacionamento não é nada fácil. E quando falamos m relacionamento, pode ser ele uma amizade, um namoro, colegas de faculdade e até aquele vizinho que é meio sem noção, não são fáceis de serem mantidos.

Isso porque as pessoas são diferentes, querem ser ouvidas, animadas, amadas e até mesmo em certas situações bajuladas por algumas coisas que chegaram a fazer – ou por ser quem são, também.

Mas um relacionamento entre duas pessoas que acreditam ser “amores de suas vidas, é algo que pode ser ainda mais delicado se comparado aos muitos outros.

publicidade

Isso porque existe a aceitação, o amor, o respeito, a troca de experiência, as diferenças e claro, talvez o principal causador das grandes discussões: o passado.

Manter um namoro sadio é algo que precisa ser construído todos os dias, com muita conversa, muita reflexão, muito altruísmo e muita paciência também – não sejamos ingênuos, não é?

Porém, embora não exista uma receita secreta que defina como um relacionamento possa perdurar até o casamento e do casamento até os fins de vossas vidas, existe uma coisa em específico que mudará por completo essa relação entre duas pessoas dispostas a se amar.

publicidade

Quer saber como manter sua relação firme e forte? É simples – mas precisa dar o braço a torcer e colocar em prática, ok?

Uma conversa sempre pode resolver tudo

Não é algo fácil, isso sabemos e não podemos negar em nenhuma das hipóteses. Manter um relacionamento saudável não requer de você apenas as partes boas que são mostradas em livros, filmes e novelas mexicanas.

Quando se entra em um relacionamento é preciso ser sincero não só com a outra pessoa, mas com você mesmo também! Saber quando é preciso parar para resolver questões em aberto não é só um sinal de maturidade, mas de decisão se esse relacionamento de fato poderá dar certo.

Isso não é exagero. Sentar para conversar em casa, em um parque, em um café ou seja lá onde vocês possam ficar à vontade um com outro, poderá tomar o rumo dos seus caminhos.

Conversar sobre o que está incomodando, machucando, lhe trazendo dúvidas, tristezas e até mesmo se você quer saber se está indo bem como um conjugue, é a melhor solução para todos os seus problemas. Entenda como seguindo os passos!

publicidade

1 – Seja paciente

Ouvir o que a outra pessoa tema  dizer não é só sinal de respeito, mas também de reverência sobre a importância dos sentimentos que a pessoa que você escolheu para ser seu par, tem dentro do peito.

Não concorda? Escute até o fim e também fale sobre o que pode concordar e descordar também. Faça com que em palavras vocês possam encontrar um ponto em comum.

2 – Escute também!

Acima de tudo, deixe o outro falar. Como você poderá resolver ou encerrar uma questão, se ao menos nem sabe o que está acontecendo?

Não atropele, não interrompa, não zombe ou deboche. Saiba quando falar e principalmente quando calar.

3 – Se coloque no lugar do outro

Talvez o que pode ser fácil para você, pode não ser para a outra pessoa. Por isso existe a grande necessidade de parar para ouvir o que a outra pessoa tem a dizer.

Principalmente se houver sentimentos como tristeza, solidão, ciúmes, raiva. Esses são sentimentos que precisam estar longe de uma relação e caberá a você também saber como acabar com suas causas.

4 – Coloque as cartas na mesa

Abra o jogo! Fale sobre as suas dores, os seus medos, o que te deixa inseguro, com ciúmes e até mesmo incomodado com pequenas manias ou coisa. Como a outra pessoa poderá melhorar,s e você não fala sobre isso?

Ser franco um com o outro é um ponto bastante acolhedor para um namoro ou relacionamento. Isso te fará ser conhecido pelo seu conjugue. Ou seja, a reação dele em prol do que você sente dirá muito sobre o que ele pensa sobre você.

5 – Seja sempre verdadeiro

Não esconda, não traia, não mude os fatos ou tente reverter um problema que foi você quem chegou a causar. Falar a verdade em todos os momentos é primordial para que tudo dê certo.

Não ultrapasse a linha do desrespeito

Quando falamos em conversar, estamos de fato falando em conversar! Gritar, debochar, discordar e não estar aberto às possíveis mudanças para mudar para melhor é um problema que fará trazer o fim para qualquer relação.

Respeito é uma das bases principais para que qualquer relacionamento, namoro ou casamento possa dar certo. Se não existir essa linha, ele será um problema e não irá durar.

Então, quando for conversar, saiba da sua vez não imponha palavras, não faça o outro mudar de opiniões sobre fatos pessoais e ao mínimo sinal de ira, reconheça e pare onde estiver. Quem te ama não merece isso.

E o mais importante, que te ama não te desrespeita!

Lembre-se: o passado é passado!

Como já chegamos a falar, o passado é algo que sempre trará motivos para que o seu relacionamento atual seja sacaneado por coisas que você hoje não terá como mudar.

Respeite o passado do outro para que o seu também seja respeitado.

Sabe qual a melhor forma de lidar com o passado?

Você chegou agora na vida dessa pessoa. Por que insistirá em mudar o seu passado? Para que isso não seja um fardo para os dois, esqueça-o!

A melhor forma é essa, colocar as cartas na mesa e deixar tudo isso para trás!

Deixe os “outros” fora disso

Lembra da dica que damos sobre conversar em lugares que se sintam bem? Isso também fará com que outras pessoas não venham a se meter em assuntos que não devem

Seja aquele familiar chato, a sogra barulhenta, o irmão possessivo ou o amigo inconveniente, lembre-se: eles não fazem parte dessa relação e não sentirão os seus sentimentos também.

Só você poderá dizer o que sente e só você poderá consertar sua relação para melhor. Ninguém vai tomar suas dores, ou seja, tome suas dores, as resolva e aproveite os melhores amores e sentimentos que uma relação pode te trazer.