Conselho Tutelar resgata bebê do lixo em cracolândia

O que mais desejamos é a recuperação dessa mãe.

Conselho Tutelar resgata bebê do lixo em cracolândia
Conselho Tutelar resgata bebê do lixo em cracolândia

Ainda na semana passada, uma situação bastante triste chegou a acontecer em um local que funcionava como ponto de drogas, na cidade de Goiânia, no estado de Goiás.

O Conselho Tutelar chegou a ir em um prédio abandonado onde funcionava a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), na avenida Anhanguera, no local para fazer uma abordagem.

No mesmo momento, encontraram uma bebê de apenas nove meses que estava tentando engatinhar no galpão que estava completamente sujo, ela estava no meio do lixo.

De acordo com o conselheiro Carlos Junior, a bebê estava sem a supervisão da mãe, que estava a dormir mais distante com o seu companheiro em um colchão velho.

“Lá é uma cracolândia. Vários usuários de drogas. A criança estava no meio do lixo. Uma situação totalmente insalubre onde não tem a possibilidade de cuidar de uma criança”, disse Carlos.

Ele chegou a contar ainda que a mãe da bebê que foi resgatada pelo Conselho Tutelar já tinha sido levada por eles há um tempo e tinham lhe oferecido lugar em um abrigo.

Estando grávida de oito meses e tendo a bebê, o verdadeiro intuito era fazer com que ela melhorasse e que o lugar em que estava, lhe ajudariam com o problema com as drogas.

Conselho Tutelar resgata bebê do lixo em cracolândia
Conselho Tutelar resgata bebê do lixo em cracolândia

“Nossa intenção era de que ela se tratasse para poder cuidar dos filhos. Nós a levamos para um abrigo, mas ela fugiu”, detalhou o conselheiro.

Encaminhado para um lugar seguro

Como chegamos a falar mais acima, infelizmente a mãe sempre que procurada encontrava uma forma de fugir e negava receber ajuda, mesmo que tenha sido tudo para que ela melhorasse e pudesse cuidar de suas crianças.

Ela ainda tem mais outros três filhos, onde um deles está vivendo com o pai e os outros são criados pela avó, sua mãe, apenas a bebê que estava sendo aparentemente cuidada por ela.

Até então, o mais importante para eles, foi fazer o encaminhamento bebê para um abrigo, onde ele passará a receber os cuidados básicos que precisa e também passará por médicos, embora já tenham informado que ele está bem.

De acordo com o portal de notícias do G1, quem informou sobre o resgate, a equipe chegou a entrar em contato com a Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA), para saber sobre a mãe.

Mas até então, não receberam nenhuma informações e ela está sendo investigada, só aguardam retorno.