Essa técnica é INFALÍVEL para não esquecer o que estudou

Seja um seu próprio professor e melhore seus desempenhos nos estudos!

Essa técnica é INFALÍVEL para não esquecer o que estudou
Essa técnica é INFALÍVEL para não esquecer o que estudou

Ser um estudante autodidata pode ser uma coisa muito boa ou frustrante para o seu desempenho de aprendizagem nos estudos. 

O que você tem que entender é que se fazer o correto essa técnica de estudo pode ajudar a aprender qualquer coisa sozinho em alguns meses.

Por outro lado, se mal aplicado a técnica de estudar sozinho e ensinar a você mesmo, os seus estudos podem se tornar um pesadelo estressante todos os dias.

Te interessa?

Ensine para você mesmo o que aprendeu

A técnica de ensinar para você mesmo é uma boa para praticamente qualquer ramo de conhecimento ou habilidade que você deseja adquirir. 

Confira a seguir algumas habilidades que você vai adquirir desenvolvendo a técnica de autodidatismo para melhor os seus estudos, são elas:

  • Aprender um novo idioma;
  • Aprender um ramo da matemática ou das ciências;
  • Aprender a cozinhar sozinho;
  • Domine um novo esporte;
  • Falar em público.

Aprender uma coisa nova em apenas três meses exige um pouco mais do que tentativa e erro casual. Pensando nisso, veja algumas dicas para você ter sucesso em ser um autodidata e conseguir ensinar para você mesmo o que aprendeu.

estudante-autodidata

14 dicas para ser um bom estudante autodidata

Confira a seguir alguns passos que você tem que dar para ser um bom estudante autodidata e conseguir ser seu próprio professor. Siga essas dicas e melhore os seus desempenhos em sala de aula.

1 – Você precisa conhecer os seus limites

Você já parou para pensar no que você deve ser capaz de fazer, alcançar ou saber após aprender? Os seus melhores esforços em ser autodidata sempre tiveram aplicações específicas. 

Além disso, quanto mais precisos os requisitos do seu conhecimento, mais rápido você pode aprender.

12 hábitos MATINAIS que vale a pena desenvolver

2 – Sabia pesquisar informações com qualidade

Vários livros e artigos da Internet e seus recursos dispersos podem ajudar você, mas uma base sólida é muito superior. 

Por isso, existem centenas de materiais de instruções sobre todas as habilidades e ramos do conhecimento. Só os livros podem fornecer uma base que a tentativa e erro não pode.

3 – Você precisa saber por onde começar

Para ser um bom programador de computadores requer matemática básica, para ser um redator web requer conhecimentos básicos de informática, redação e marketing

Para você ser um bom estudante autodidata e aprenda a ensinar para você mesmo você precisa saber quais habilidades básicas precisa antes de começar, para que possa aprendê-las antes ou enquanto tenta dominar sua habilidade.

4 – Seus prazos determinarão o investimento de tempo

Se você quer aprender algo em três meses de verdade, isso pode significar uma hora por semana ou várias horas por dia, dependendo da sua disciplina, claro. Por isso, os seus prazos determinam quanto tempo você precisa investir nos estudos para aprender determinada coisa.

estudante-autodidata

5 – Tenha paciência e confie no processo de amadurecimento

Ser um estudante autodidata não é mais difícil do que o aprendizado em sala de aula. Mas pode ser mais difícil quando você chega a um problema sem solução e não tem um guia. 

Por isso, a sua capacidade de se educar corresponderá intimamente à sua capacidade de continuar tentando quando quiser desistir e aprender alguma coisa nova.

6 – Tenha uma rotina de aprendizagem

Qualquer habilidade é baseada em alguns conhecimentos ou habilidades essenciais. Por isso, você precisa dominar o básico e aprender habilidades avançadas torna-se fácil.

16 hábitos diários que só as pessoas ALTAMENTE bem-sucedidas têm

7 – Não tenha medo de falhar no processo de aprendizagem

Para ser um estudante de verdade, experimente o suficiente para que sua taxa de falha seja alta. É fácil tropeçar em lidar com os mesmos desafios repetidamente, mas eles não ensinam nada de novo. Adicione novos elementos a cada prática para que sua curva de aprendizado não se estabilize.

estudante-autodidata

8 – A técnica dos 15 minutos

Se você ficar preso em algo, prometa se dar mais 15 minutos de foco total. Se você não conseguir resolver seu problema nesse ponto, faça uma pequena pausa. 

9 – Aprenda a superar as frustrações

A necessidade é o melhor professor que existe para uma pessoa que quer aprender determinada coisa. Por isso, se você não precisa aprender algo, será difícil superar os pontos de frustração. 

Ao tornar um estudante autodidata uma parte integrante de seus objetivos, você é levado a aprender mais do que apenas uma curiosidade aleatória.

10 – O site de busca é o seu melhor amigo

Assim como há um manual de instruções sobre tudo na internet, há um site sobre qualquer habilidade que você queira aprender disponível nessa ferramenta.

9 pequenos HÁBITOS que de te trarão energia e PRODUTIVIDADE diariamente

11 – Tenha um bom círculo de amigos estudiosos iguais a você

Para você ser um ótima estudante autodidata, você precisa mergulhar em grupos de pessoas que possuem as habilidades que você deseja. Embora você não possa aprender por osmose, estar na presença de pessoas inteligentes o direcionará para as informações de que precisa. 

estudante-autodidata

As redes sociais e sites de grupos na internet também são um bom lugar para começar, mas ingressar em clubes e grupos pessoalmente é ainda melhor.

12 – Comece com desafios possíveis

Para você que quer aprender ensinando para você mesmo, primeiramente, não tente enfrentar o maior desafio possível na primeira vez. Você precisa escolher atividades que sejam difíceis, mas possíveis devido ao seu conhecimento atual. 

13 – Evite o esgotamento mental

A autoeducação, ser uma pessoa autodidata requer muita energia e vontade emocional. Por isso, e fácil esgotar-se com um problema e não conseguir resolvê-lo. 

33 Poemas de Carlos Drummond de Andrade. Apenas os MELHORES!

Po risso, evite o esgotamento nos estudos dando espaço a si mesmo quando estiver preso nos livros. Não desista, mas não se canse de tentar resolver um problema difícil.

14 – Pratique tudo o que você aprendeu na teoria fazendo um projeto prático

Você sabia que os projetos podem ser uma grande força motriz para o seu processo de aprendizado? Isso mesmo, a maioria das habilidades aprendidas são obtidas por meio de projetos.

Por isso, comece a definir um projeto de três meses para você por em prática tudo que aprendeu, como:

  • Escrever um romance;
  • Criar um pequeno programa de computador.

Isso pode fornecer a estrutura necessária para o seu cérebro aprender e fixar tudo que você aprendeu na teoria.

Você gostou de saber mais como o autodidata e ensinar para você mesmo pode melhorar e muito o seu desempenho ao aprender qualquer coisa? Então não perca mais tempo e compartilhe com os seus amigos e familiares. Aproveite!

Veja mais ›
Fechar