Idoso que sobrevivia sozinho no sertão ganha surpresa emocionante de internautas

Idoso que sobrevivia sozinho no sertão ganha surpresa emocionante de internautas

Podemos mudar a vida de muitas pessoas!

publicidade

Seu Arlindo é um senhor de 58 anos que vivia em uma situação desumana há 18 natais. Ele morava em uma cabana que ele mesmo construiu, em Serra Talhada, no sertão pernambucano.

O local onde ele mora não possui água, energia, mobília e nem sequer comida. Há anos o idoso sobrevive por causa de doações, e do dinheiro fornecido pelo Bolsa Família.

O idoso não é aposentado mas trabalhou por muito tempo como pedreiro, infelizmente, por causa de seus problemas de saúde, ele está desempregado.

publicidade

A família de Seu Arlindo mora em Goiás e ele não possui contato, desde que se separou da esposa vive sozinho no mundo.

O site Razões Para Acreditar ficou sabendo da história e criou uma vaquinha online com o intuito de fornecer uma moradia digna para o homem. Felizmente deu certo e Seu Arlindo terá uma casa nova!

O projeto Reforma Aqui abraçou a causa e já está construindo uma casa para o homem. A obra já está bem adiantada e em breve poderemos ver um lar digno para Seu Arlindo. O idoso usará o dinheiro da vaquinha para mobiliar a residência.

publicidade

História foi conhecida por Anderson Lima

Há alguns meses, a história de um rapaz com sua avó foi divulgada na internet. Seu nome é Anderson Lima e ele largou seus dois empregos para poder cuidar de sua avó com Alzheimer.

Francisca Ramalho tem 105 anos e vive com o neto também na Serra Talhada. Anderson conta que foi abandonado pelo pai e foi sua avó que cuidou dele depois que sua mãe faleceu.

Os filhos dela moram em Goiás e não tomaram a iniciativa de cuidar dela. Ela cuidou de mim da infância e nesse momento abandonar ela, não posso fazer isso”, disse.

A idosa foi diagnosticada com Alzheimer em 2013 e não lembra mais quem é, felizmente em nenhum momento o rapaz sequer pensou em deixar de cuidar da avó.

Anderson trabalhava como auxiliar de serviços gerais em dois locais, e saiu de ambos para poder cuidar da avó.

publicidade

Os empresários pediram para ele não sair, e ele deixou tudo para vir cuidar dela. Acho muito bonito o que ele fez, isso é amor”, conta um vizinho.

Uma vaquinha também foi feita para ajudar a dupla e arrecadou mais de R$ 28 mil recentemente.

Um grupo de voluntários que fazia a entrega de cestas básicas na região conheceu Seu Arlindo e contatou Anderson. Agindo como mediador, o rapaz contou a história do idoso em entrevista e com isso, uma vaquinha para ele também foi aberta.

Não sabemos se a relação dele com a família é boa, mas hoje ele vive mesmo sozinho”, conta.

Clique aqui para fazer uma doação para Seu Arlindo.

Anderson e Seu Arlindo

Infelizmente, essas duas histórias que são ligadas por Anderson são apenas uma minúscula parte de várias outras. Várias pessoas vivem em condição de miséria pelo Brasil, principalmente em regiões do interior.

Podemos fazer nossa parte e doar o que for possível para mudar a vida dessas pessoas que tanto sofrem!

Via: Razões Para Acreditar