Página compartilha vovós ‘aprontando’ sem medo e internautas se identificam

A cada momento, uma dose de infarto diferente que sentimos!

Página compartilha vovós 'aprontando' sem medo e internautas se identificam
Página compartilha vovós 'aprontando' sem medo e internautas se identificam

Com muita certeza você já deve ter se deparado com aqueles memes que rolam na web sobre como os nossos velhinhos se mostram ser agitados – principalmente quando eles precisam não ser.

E até mesmo parece que, quando recebem uma recomendação médica sobre repouso, descanso ou calma, as coisas se agitam ainda mais e o que não faltam são artes a se fazer para nos deixar ainda mais com o coração na mão.

Nossos parceiros do O Lado Bom das Coisas chegaram a reunir alguns prints em que mostram algumas velhinhas em momentos completamente inusitados e que não deveriam estar fazendo nem metade de tudo isso.

A primeira foto em si não só te deixa assustado com a tamanha coragem dessa senhorinha, como também é inevitável não se sentir surpreso e com medo de um acidente grave acontcer.

Mesmo não sendo nossa família, sim, a cada fotografia que foi compartilhada, é inevitável não sentir uma dose de preocupação que os filhos ou netos chegaram a sentir quando se depararam com esses momentos.

Sem demora, o que não faltou foram internautas de diversos locais para comentar uma semelhança que chegou a ter com a sua enérgica amada velhinha em casa.

E muitos deles até brincaram com a situação ao se mostrarem “mais idosos” do que muitos verdadeiros velhinho que estão por aí, esbanjando força, determinação e sem nenhuma dose de medo, principalmente quando falamos em “subir”.

Em uma dessas fotos, vemos uma senhorinha pendurada em um pé de frutas com um enorme sorriso no rosto. E de acordo com a jovem que compartilhou o momento, ela até já havia caído. Que preocupação!

Veja a seguir a publicação e se surpreenda com a capacidade desses velhinhos de se aventurarem de forma arriscada – e de nos dar um leve infarto!

 

As nossas velhas crianças que continuam dando trabalho – amamos, claro

Se formos pensar no que eles passam e nos colocar no lugar deles, de fato não é nada fácil ter que “sossegar” demais e deixar de fazer suas coisas a espera de outras pessoas.

Não podemos negar que é tedioso e difícil de lidar. Um internauta ate compartilhou: “Minha avó tem 87 anos, um dia cheguei na casa dela, ela tinha caído de cima da mesa tentando consertar uma pingueira. Felizmente, não sofreu nada grave na queda.”

E é aqui nós mais jovens entramos em cena. Repetimos: não é nada fácil e para ajudar, precisamos mostrar que estamos disponíveis para lhes ajudar no que precisam. 

Isso evitará acidentes e poderá também fazer desses momentos lembranças incríveis no futuro. No final, todo mundo sai ganhando!

publicidade